Felipe Melo
19/06/2022
20:17
Porto Alegre (RS)

O duelo entre Internacional e Botafogo pelo Brasileirão foi cercado de polêmicas desde o primeiro minuto. Com expulsões, VAR e pênalti logo no início,o Glorioso virou para cima do Colorado por 3 a 2, no Beira-Rio, na noite deste domingo. Edenilson e Bustos marcaram para os gaúchos, enquanto Vinícius Lopes, Erison e Hugo viraram o placar.

Com o resultado, o Colorado deixou o G4 e permaneceu com 21 pontos, na quinta colocação, em 13 partidas. O Alvinegro subiu na tabela e agora está em sétimo com 18.

+ Confira e simule a tabela do Campeonato Brasileiro

O próximo compromisso do Internacional será na sexta-feira, às 21h30, diante do Coritiba, também no Beira-Rio. O Botafogo, por sua vez, entra em campo no domingo, às 16h, no Nilton Santos, no clássico contra o Fluminense. 

Internacional x Botafogo
Hugo marcou o gol da vitória do Botafogo sobre o Internacional (Vitor Silva / Botafogo)


POLÊMICAS E VAR

Desde o início da partida, o Internacional tentou adiantar a marcação para não deixar o adversário sair de seu campo de defesa. No primeiro lance, Edenilson tentou a jogada por dentro e a bola sobrou para Alan Patrick. O meia chutou em direção ao zagueiro Philipe Sampaio. Depois de consultar o VAR, o árbitro Savio Pereira Sampaio assinalou pênalti e alegou que a bola tocou no braço do jogador.

Além disso, ele também expulsou o atleta, e fez com que os cariocas ficassem com menos um desde os 4 minutos do primeiro tempo. A ação causou revolta por parte dos jogadores do Glorioso, que reclamaram bastante, e o técnico Luís Castro também foi expulso.

COLORADO NA FRENTE
Na cobrança de pênalti, Edenilson bateu, com categoria, e abriu o placar para os donos da casa. Com um a mais em campo, a equipe gaúcha voltou a pressionar o Glorioso, e Bustos estufou a rede de Gatito. O lateral tabelou com Alan Patrick, invadiu a área e bateu cruzado para ampliar.

ALVINEGRO DESCONTA
Mesmo com menos um, o Botafogo seguiu na luta para tentar diminuir o placar e demonstrar estar vivo no jogo. Até que Saravia dividiu com De Pena e achou Vinícius Lopes. O atacante só teve o trabalho de tirar do goleiro Daniel e balançar a meta colorada. 

Minutos depois, o jogador alvinegro teve outra grande oportunidade ao passar por Gabriel Mercado e chutar rasteiro. O goleiro Daniel fez a defesa. 

Internacional x Botafogo
Jogadores do Botafogo celebram vitória no Beira Rio (Vitor Silva / Botafogo)


OUTRA CONSULTA AO VAR
Em um lance rápido pela direita, David corre em profundidade, mas o lance á paralisado pelo árbitro, pois Saravia e Wanderson tiveram o contato físico na área. Sávio Pereira Sampaio, então, assinalou impedimento na origem da jogada.

No fim do tumultuado primeiro tempo, o Inter ainda teve mais uma chance. Wanderson cruzou para Edenilson, que parou na grande defesa de Gatito Fernández. No rebote, o paraguaio também espalmou a finalização de David. 

GOL ANULADO
Na volta do intervalo, o técnico Mano Menezes perdeu Alan Patrick, que sentiu um incômodo muscular. Na primeira grande chance colorada, Edenilson lançou Alemão, que dominou com a mão, passou por Carli e Gatito e marcou. O árbitro viu irregularidade no lance e anulou o gol.

EL TORO!
Com muita entrega, o Botafogo seguia vivo no jogo e tentava explorar as jogadas aéreas. Em uma delas, Carli aproveita a cobrança de escanteio para escorar e deixar Erison livre para cabecear em direção ao fundo da rede. Desse modo, o Alvinegro cresceu na partida e, por pouco, não virou. Erison recebeu na área e chutou em cima do goleiro Daniel. 

PAREDÃO ALVINEGRO
O centroavante alvinegro teve outra chance de marcar. Após cobrança de falta de Lucas Piazon, Erison apareceu por trás da zaga colorada e balançou a rede de novo. O auxiliar levantou a bandeira e anulou o gol do Botafogo.

Na sequência, Taison tocou para Bustos em profundidade para cruzar para Pedro Henrique. O atacante chutou, mas Gatito brilhou. O arqueiro voltou a se destacar, quando Alemão chutou e o obrigou a fazer grande defesa. A bola ainda tocou no travessão e foi para fora.

MAIS UM GOL ANULADO
O fim da partida foi intenso, com chances de ambas as equipes. E o Colorado chgou a balançar a rede com o defensor Mercado, mas o árbitro assinalou impedimento na origem da jogada.

GOL, CONFUSÃO E PANCADARIA
Em um jogo confuso e com idas e vindas, o Botafogo apostou no contra-ataque. Matheus Nacimento tentou o passe para Jeffinho e a bola sobrou para Hugo sacramentar a vitória épica, no Beira-Rio. Depois do gol, ocorreu uma confusão entre os jogadores com pancadaria genelarizada, mas que foi contida. Na briga, Lucas Piazon foi agredido pelo atacante David e saiu com o ombro imobilizado. 

FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL 2X3 BOTAFOGO

Local:
Beira-Rio, Porto Alegre (RS)
Data e Horário: 19/06/2022, às 18h
Árbitro: Savio Pereira Sampaio (FIFA-DF)
Auxiliares: Daniel Henrique da Silva Andrade (DF) e Jose Reinaldo Nascimento Junior (DF)
VAR: Rafael Traci (SC)
Público: 26.219 torcedores
Cartões Amarelos: Maurício, Moisés, Mercado, Taison, Carlos De Pena, Kaíque Rocha (INT) / Joel Carli, Lucas Piazon, Klaus, Gatito Fernández, Patrick de Paula e Kayque (BOT)
Cartões Vermelhos: Mercado (INT) / Philipe Sampaio e Luís Castro (BOT)

Gols: Edenilson (8'/1T) (1-0), Bustos (12'/1T) (2-0), Vinícius Lopes (18'/1T) (2-1) / Erison (13'/2T) (2-2), Hugo (55'/2T) (2-3)

INTERNACIONAL (Técnico Mano Menezes)
​Daniel; Bustos (Matheus Cadorini 38'/2T), Vitão, Mercado e Moisés (Pedro Henrique 18'/2T); Gabriel, Edenilson, Carlos de Pena e Alan Patrick (Taison - intervalo); David (Maurício 16'/2T) e Wanderson (Alemão 47'/1T).

BOTAFOGO (Técnico Luís Castro)
Gatito Fernández; Klaus, Philipe Sampaio, Joel Carli, Saravia (Jeffinho 52'/2T), Patrick de Paula, Kayque e Hugo, Vinícius Lopes (Daniel Borges 38'/2T), Erison (Matheus Nascimento 45'/2T) e Lucas Piazon.

Clique aqui e ganhe R$50 para jogar no Galera.bet