Wenderson - Botafogo

(Foto: Divulgação/Botafogo)

Sergio Santana
19/06/2019
15:30
Rio de Janeiro (RJ)

O Botafogo retornou aos trabalhos após a parada para a Copa América. Nesta quarta-feira, Wenderson foi o personagem da entrevista coletiva, realizada no Estádio Nilton Santos. Nas respostas, o meio-campista deixou claro que a relação com Eduardo Barroca, com quem trabalhou na base, é positiva.

- É uma mais relação mais tranquila porque ele jogou na minha posição e me ensinou tudo, me dá muitos conselhos. Com o Zé Ricardo eu ganhei minhas primeiras chances, me fixei aqui. Eu já conhecia o Barroca antes e acho que isso ajudou mais na relação no profissional - afirmou.

Durante as categorias de base, Wenderson chegou a atuar como primeiro volante com Eduardo Barroca, em uma posição mais recuada no setor. Contra o São Paulo, na primeira rodada do Brasileirão, porém, ele atuou em um setor mais avançado. O meio-campista comentou sobre sua posição favorita.

- Me sinto melhor de primeiro volante mesmo, gosto de pegar a bola na frente da zaga e organizar o jogo de lá. Eu gosto da posse da bola, ele faz o time correr atrás dele do que a gente correr atrás dele. O Gustavo Bochecha é um jogador que me dá muito conselho - falou.

Wenderson foi um dos 17 jogadores que se apresentaram nesta quarta-feira, em uma estratégia de Eduardo Barroca para colocar os jogadores com menor minutagem no auge físico. O meio-campista destacou o período de onze dias de descanso e os próximos treinamentos com o comandante.

- Passei com minha família, com minha namorada. Feliz em voltar com esse período de treino e tentaremos aproveitar o máximo possível essa parada para a Copa América. A pausa vai ser boa porque vamos entrar no ritmo de jogo, voltamos um pouco antes para acompanhar quem estava jogando. Vai ser um período bom e competitivo para a gente poder jogar - analisou..