LANCE!
28/11/2021
15:22
Rio de Janeiro (RJ)

A festa da torcida do Botafogo para recepcionar o time campeão da Série B também foi marcada por cenas de violência por parte da polícia e do GEPE. Isso porque bombas de efeito moral, além de balas de borracha, foram atiradas contra os alvinegros.

> Gatito, troféu e festa: o que ficar de olho no Botafogo contra o Guarani

O fato aconteceu justamente na chegada do ônibus do Botafogo ao estádio Nilton Santos, onde o Glorioso enfrenta o Guarani, às 16h, pela última rodada da Série B do Brasileirão. Os ingressos para a torcida do Alvinegro, vale lembrar, foram esgotados, e o time, já campeão, erguerá o troféu ao término do confronto. Abaixo, veja o vídeo com o registro do ocorrido:

As ruas do Estádio Nilton Santos estavam cheias desde às 13h, o que dificultou a chegada do ônibus. Mesmo assim, isso não estressou os jogadores. Chay e Rafael Navarro, inclusive, foram para o teto do veículo junto dos torcedores.

Apesar do clima de festa, a polícia militar, GEPE e CET-RIO começaram a atirar bolas de borracha e bombas de efeito moral na direção dos torcedores, apesar de não ter nenhum sinal de briga. Houve correria e alguns torcedores feridos.

Em tempo: o LANCE! acompanha o jogo e o pré-jogo em tempo real. Clique aqui e fique pode dentro de tudo.

Torcida Botafogo
Torcedores subiram no ônibus (Foto: Armado Paiva/Lancepress!)