Botafogo - General Severiano

Sede de General Severiano: 2019 deve ser mais um ano de apertos financeiros do Botafogo (Foto: Arquivo LANCE!)

LANCE!
29/12/2018
14:26
Rio de Janeiro (RJ)

Não é novidade para ninguém que o Botafogo passa por uma grave crise financeira. Não é à toa que o clube ainda não anunciou uma contratação que não seja por empréstimo (Alan Santos e Gustavo Ferrareis) ou de um jogador sem clube (Diego Cavalieri) - e nem deve anunciar. Em contrapartida, os dois principais ativos, Matheus Fernandes e Igor Rabello, estão de saída. 

O cenário foi novamente o mote de uma entrevista nesta semana. Desta vez, à Rádio Brasil, Jorge Aurélio Domingues, presidente do Conselho Deliberativo do Glorioso, ratificou as dificuldades financeiras do clube, que, segundo ele, em tom de lamentação, "tem uma verba muito pequena da Globo". 

- A situação financeira do clube é muito difícil. O Botafogo não tem dinheiro. O Botafogo tem uma verba muito pequena da Globo, verbas publicitárias pequenas. Não temos dinheiro e vai ser difícil. A diretoria está pensando em vender um ou dois jogadores para tentar melhorar o seu fluxo de caixa - disse Domingues, completando a respeito do novo CT:

- Ao mesmo tempo, o Centro de Treinamento que está sendo construído em Vargem Grande, ele, futuramente, vai dar uma boa base ao Botafogo.

Por falar no CT, localizado no Espaço Lonier, ele ainda ainda não tem data para ser finalizado e, por isso, não será o local da pré-temporada do time de Zé Ricardo, que terá que se preparar no Estádio Nilton Santos - onde habitualmente já treina. A expectativa interna é que a base faça a sua mudança definitiva na metade do próximo ano. Os profissionais, de maneira gradual, passariam a treinar na nova casa em seguida.

Como a crise financeira afetou no cronograma de utilizar o CT já em janeiro, as obras seguirão a passos tardios. Há seis etapas definidas quanto ao projeto, que contará com sete campos. Os gramados devem estar aptos em abril.