Botafogo x CSA - Comemoração Marco Antonio

Marco Antônio fez o primeiro gol do Botafogo contra o CSA (Foto: Vítor Silva / Botafogo)

LANCE!
27/07/2021
23:25
Rio de Janeiro (RJ)

Uma vitória para lavar a alma. Após um primeiro tempo sem grandes emoções, o Botafogo venceu o CSA por 2 a 0 nesta terça-feira, em partida atrasada da 6ª rodada da Série B do Brasileirão, no Estádio Nilton Santos. Marco Antônio e Diego Gonçalves fizeram os gols do duelo.

Com o resultado, o Botafogo ultrapassou justamente o CSA na classificação. A equipe comandada por Enderson Moreira chegou a 19 pontos, subiu para a 11ª posição, e deixou o rival alagoano na 12ª colocação, com 18.

O Botafogo volta aos gramados no próximo sábado, às 21h, para o clássico estadual contra o Vasco, também no Nilton Santos. O CSA entra em campo no domingo para enfrentar o Remo, às 18h15, no Estádio Rei Pelé.

+ Confira a tabela da Série B

PARADO, PARADÃO!
Os primeiros minutos da partida foram sonolentos e de pouca emoção. O CSA apareceu mais ao ataque, mas não criou nada de tão perigoso. O Botafogo, como em outros jogos, teve dificuldade de fazer a bola circular no meio-campo e chegar ao terço final.

PRA FECHAR EM ALTA!
A impressão, por tudo que tinha acontecido, era de que o primeiro tempo terminaria sem gols, mas o Botafogo mudou o rumo dessa história. Já nos minutos finais, Rafael Navarro recebeu no ataque, brigou com a defesa e contou com uma falha dos zagueiros do CSA para tocar a Marco Antônio, que, cara a cara com o goleiro, finalizou sem chances de defesa.

REPLAY?
O segundo tempo iniciou com um lance bem parecido com o fim da etapa complementar. Após lançamento, Rafael Navarro venceu dos dois zagueiros do CSA no corpo e rolou para Diego Gonçalves, que bateu cruzado para vencer o goleiro Thiago Rodrigues e dobrar a vantagem do Botafogo.

NA PRESSÃO!
O gol não diminuiu o ritmo do Botafogo em busca de mais vantagem no placar. Após dobrar a folga, o Alvinegro colocou duas bolas na trave em sequência: a primeira foi com Diego Gonçalves, após boa jogada envolvendo Marco Antônio e Rafael Navarro. A segunda, em uma cobrança de falta e desvio na defesa.

Chay também teve uma grande chance, mas parou no goleiro Thiago Rodrigues. O camisa 14 arrancou, sozinho, desde o círculo central, deixou três marcadores para trás e ficou perto de fazer um golaço, mas o arqueiro foi bem para fazer a defesa.

FICHA TÉCNICA
Botafogo x CSA

Data-Hora: 27/07/2021, às 21h30
Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)
​Árbitro: Douglas Schwengber da Silva (RS)
Assistentes: Andre da Silva Bitencourt (RS) e Fabricio Lima Baseggio (RS)
Gramado: Regular
Cartões amarelos: Gilvan (BOT); Matheus Felipe e Bruno Mota (CSA)
Cartões vermelhos:

Gols: Marco Antônio (1-0, 43'/1ºT), Diego Gonçalves (2-0, 7'/2ºT)

BOTAFOGO: Diego Loureiro; Daniel Borges, Lucas Mezenga, Gilvan, Guilherme Santos; Pedro Castro (Matheus Frizzo 43'/2ºT), Barreto; Diego Gonçalves (Romildo 43'/2ºT), Chay (Luís Oyama 33'/2ºT), Marco Antônio (Ênio 37'/2ºT); Rafael Navarro (Rafael Moura 33'/2ºT). Técnico: Luís Fernando Flores.

CSA: Thiago Rodrigues; Matheus Felipe (Dudu Beberibe 18'/2ºT), Fabrício, Lucão, Ernandes; Silas (Giva Santos 29'/2ºT), Geovane; Gabriel, Renato Cajá (Reinaldo 29'/2ºT), Bruno Mota (Yago César/Intervalo); Dellatorre (Ewerthon 29'/2ºT). Técnico: Ney Franco.