Sampaoli comentou

Sampaoli tem recebido reforços, mas ainda nãp está totalmente satisfeito-(Pedro Souza/Atlético-MG)

Valinor Conteúdo
25/07/2020
17:27
Belo Horizonte

Jorge Sampaoli chegou ao Atlético-MG com ares de estrela do futebol mesmo não entrando em campo. A fama de treinador exigente, mas que entrega resultados, fez o clube mineiro abrir os cofres, com a ajuda de um parceiro para atender os desejos de reforços do técnico.

O Galo trouxe para incrementar o elenco os zagueiros Junior Alonso e Bueno; os volantes Léo Sena e Alan Franco; e os atacantes Keno e Marrony. Todavia, segundo o diretor de futebol alvinegro, Alexandre Mattos, o treinador não se deu por satisfeito com o que lhe entregue.

O dirigente diz que Sampaoli pensa no jogo o tempo todo, querendo sempre melhorar e buscar excelència no trabalho.

-Ele nunca vai estar satisfeito, a gente pode ser campeão do mundo que ele vai continuar pedindo, sugerindo. É o jeito dele. Quando você contrata o Sampaoli, você tem que entender que ele é assim. Isso é muito bom para o projeto, as pessoas têm que saber equilibrar para entender o que é necessário, mas é muito bom uma pessoa que quer ganhar, que tira a gente do conforto, que nunca está satisfeito. A gente procurou fazer o nosso melhor, acho que está sendo bem feito, com multa calma-disse Mattos, em entrevista à Band.

O diretor de futebol admitiu que o clube ainda tentará mais algumas peças para compor o elenco alvinegro, exaltando a “fome” do técnico argentino em extrair o máximo de seus times.

-Acho que se tem um lado bom na pandemia é que a gente teve tempo de buscar opções e ainda precisamos de uma ou outra opção. E a gente sabe que tem um treinador exigente, sempre vai querer chegar ao máximo, vai querer chegar perto do Flamengo, e a gente vai trabalhar sempre com diálogo, mostrando o que é possível e o que não é, sendo honesto- completou Mattos, que fez mais de R$ 85 milhões em contratações nesta parada forçada do futebol por conta da pandemia da Covid-19.