LANCE!
04/04/2018
21:30
   Belo Horizonte (MG)

O clima ameno e a forte chuva que caía sobre Belo Horizonte nos momentos iniciais do confronto entre Atlético-MG e Ferroviário combinaram com o chocolate que o Galo deu nos cearenses. Com boa troca de passes, os comandados de Thiago Larghi se sobressaíram no Independência e cravaram 4 a 0, com gols de Ricardo Oliveira, Otero e Róger Guedes.

O resultado gera uma boa vantagem aos mineiros para o duelo de volta, que acontece no dia 18 de abril, no Castelão (CE). Por outro lado, o Ferroviário precisa vencer por cinco gols de diferença para avançar às oitavas de final ou marcar quatro a mais que o rival para levar a decisão aos pênaltis.


OTERO, O ILUMINADO

Rei das bolas paradas, o venezuelano desperdiçou uma boa oportunidade ao bater mal falta cobrada próximo à área, mas não demorou para fazer as pazes com a torcida. Após o lance perdido, Otero aproveitou boas jogadas com Arouca e Gustavo Blanco e marcou dois gols na vitória atleticana.


RICARDO OLIVEIRA CONTINUA VOANDO

Nesta quarta-feira, o artilheiro voltou a mostrar o porquê de ser tão querido pelos atleticanos. Em casa, Ricardo Oliveira recebeu bom passe de Samuel Xavier e abriu o placar para os mandantes com apenas um minuto de bola rolando. Com o tento, o centroavante chega ao seu nono gol em 17 jogos disputados pelo Galo.

O JOGO

Um minuto. Foi o tempo que o Atlético-MG demorou para abrir o placar diante do Ferroviário. No primeiro lance favorável, Samuel Xavier saiu em velocidade pela lateral e cruzou na medida para Ricardo Oliveira cabecear no fundo do gol. Mesmo com o Galo dominando as principais chances em campo, o Ferroviário investiu em contra-ataques e na marcação, dando alguns sustos no goleiro Victor.

Não demorou para o grupo alvinegro encontrar brechas. Rei das bolas paradas, Otero foi escolhido para uma cobrança de falta mal batida, mas, apesar do erro, as pazes com a torcida veio logo depois. Após boa troca de passes no meio de campo entre Gustavo Blanco e Arouca, a bola encontrou o venezuelano, que arriscou chute de longe e surpreendeu o goleiro Léo com um desvio para carimbar o segundo tento do Atlético aos 28 minutos.

Mesmo sendo derrotado, o Ferroviário conseguiu um belo contra-ataque pela esquerda, porém Juninho Quixadá errou na hora de finalizar e sobrou para a zaga atleticana. Na sequência, mais um ataque do Peixe e grave erro de Victor, que saiu mal para fazer a defesa e quase perdeu a bola. O efeito do susto foi a chegada do terceiro gol alvinegro. Ágil, Gustavo Blanco avançou até a pequena área e deixou na medida para Otero balançar as redes aos 39 e fechar o primeiro tempo com boa vantagem para o Galo.

Os dois times retornam mais atentos para o segundo tempo, mas o Ferroviário voltou a ser prejudicado pela desorganização da defesa. Com apenas quatro minutos de bola rolando, os comandados de Thiago Larghi garantiram a goleada. Em boa chegada, Róger Guedes passou pela zaga e foi bloqueado pela defesa de Léo, porém o rebote voltou e Erik só precisou empurrar para o gol.

No decorrer da partida, o Ferroviário pareceu estar conformado com o resultado desfavorável e perdeu velocidade, mas não deixou de aproveitar boas chances perto da área, ficando perto de marcar seu primeiro gol em cobrança de falta batida por Túlio, que tirou tinta da trave.

Enquanto isso, o Atlético-MG continuou pressionando, principalmente com fortes investidas de Róger Guedes, que manteve o rendimento do substituído Otero. No último minuto do tempo regulamentar, o atacante ainda tentou marcar o quinto gol na saída de Léo, mas Túlio salvou. Após dois minutos de acréscimos, o jogo chegou ao fim com tranquila troca de passes.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-MG 4 X 0 FERROVIÁRIO
Local:
Independência, Belo Horizonte (MG)
Data-Hora: 04/04/2018 - 19h30
Árbitro: Vinícius Furlan (SP)
Auxiliares: Herman Brumel Vani (SP) e Vitor Carmona Metestaine (SP)
Público/renda: -
Cartões amarelos: Samuel Xavier (CAM); Erandir, Robson Simplício (FER)
Cartões vermelhos: -
Gols: Ricardo Oliveira (1'/1ºT)(1-0), Otero (28'/1ºT) (2-0), Otero (39'/1ºT) (3-0), Róger Guedes (4'/2ºT) (4-0).

ATLÉTICO-MG: Victor; Samuel Xavier, Bremer, Gabriel, Fábio Santos (Danilo Barcelos, aos 25'/2ºT); Arouca, Gustavo Blanco; Cazares, Otero (Rogér Guedes, 2ºT), Tomás Andrade; Ricardo Oliveira (Erik, 2ºT). Luan (Tomás Andrade, aos 29'/2ºT); . Técnico: Thiago Larghi.

FERROVIÁRIO:
Léo; Emerson Santos, Túlio, Erandir, Sávio; Liniker, Mazinho (Robson Simplício, aos 42'/2ºT), Janeudo; Luís Soares (Valdeci, 2ºT) , Andrei, Juninho Quixadá, (Mota, aos 8'/2ºT). Técnico: Ademir Fonseca.