c

A cerveja nos estádios mineiros  pode ser liberada durante todo o jogo. A venda sem restrições só foi permitida durante da Copa do Mundo de 2014-Foto: Marcio Porto

Valinor Conteúdo
10/04/2019
17:18
Belo Horizonte

O projeto revoga o parágrafo único do 1º artigo da Lei 21.737/2015, que libera a venda de bebidas alcoólicas em áreas restritas dos estádios e apenas durante o primeiro tempo e o intervalo. No Mineirão e no Independência, principais estádios de Belo Horizonte, a comercialização é permitida exclusivamente nos corredores internos.

A nova proposta prevê que "A comercialização e o consumo de bebida alcoólica nos estádios de futebol localizados no Estado serão permitidos desde a abertura dos portões para acesso do público ao estádio até o final do segundo tempo da partida".

O Projeto de Lei é de autoria do deputado Gustavo Valadares(PSDB-MG) e segue para análise das Comissões de Desenvolvimento Econômico e de Segurança Pública, antes de ser levado à plenário, onde precisa ser aprovado em dois turnos.

A venda de bebidas alcoólicas nos jogos de futebol em Minas Gerais chegou a ser proibida mas durante a Copa das Confederações de 2013 e Copa do Mundo de 2014 foi liberada, abrindo precedente para que a comercialização parcial voltasse aos estádios mineiros.