Alerrandro marcou pela primeira vez em clássicos no profissional e assumiu a artilharia do Mineiro com sete gols

Alerrandro marcou pela primeira vez em clássicos no profissional e assumiu a artilharia do Mineiro com sete gols-Bruno Cantini/Atlético-MG

Valinor Conteúdo
17/03/2019
18:41
Belo Horizonte

O ano de 2019 do menino Alerrandro, de 19 anos, tem sido muito feliz para o jovem atacante do Atlético-MG. Em fevereiro nasceu sua filha, Emannuely, no mesmo dia que ele marcou seu primeiro gol como profissional pelo Galo. Sempre que tem entrado em campo, Alerrandro tem dado conta do recado e no clássico deste domingo, contra o América-MG, mostrou estrela mais uma vez.

Alerrandro entrou como titular em seu primeiro clássico na carreira por um veto a Ricardo Oliveira, que está gripado e não pôde ir à campo diante do Coelho. Mesmo fora da partida Ricardo Oliveira passou algumas dicas para Alerrandro, que além de bom futebol e gols, superou um mau momento em 2018, quando chegou a ser punido por indisciplina, coisas que ficaram no passado, pois o 2019 do atacante é ser decisivo para o alvinegro quando o time precisa mais dele.

Alerrandro já tinha ajudado o Galo no Mineiro, quando fez o gol da vitória sobre o Patrocinense, também no fim do jogo, aos 46 minutos do segundo tempo. Contra o América-MG, o centroavante deixou sua marca no segundo gol do Galo e no desempate, aos 45 minutos da etapa final, o que garantiu os três pontos e a liderança da primeira fase do Mineiro, o que vai garantir ao Atlético-MG a vantagem de jogar sempre por dois empates ou uma vitória e uma derrota pela mesma diferença de gols.

Empolgado e animado com a sua atuação, Alerrandro comentou sobre seus primeiros gols em clássicos e o primeiro jogo no Mineirão como profissional.

-Meu primeiro clássico, meu primeiro jogo no Mineirão pelo profissional. Não tem nem palavras para explicar. Estou muito feliz. Dar alegrias para a torcida é o mais importante. Agora é comemorar com a família. Era um sonho fazer um gol no Mineirão lotado. Vi aqui o Luan decidindo um jogo contra o Flamengo, na Copa do Brasil em 2014. Eu estava na arquibancada. Era meu sonho marcar gol no Mineirão. Hoje fiz o gol. Fui para a torcida, para a galera, porque eles merecem muito. Estou feliz, a família feliz. Não tenho nem explicação-disse emocionado.

Além de ser o homem do jogo,garantindo vitória e liderança para o Atlético-MG no Mineiro, Alerrandro alcançou uma marca pessoal importante, ao ser tornar o artilheiro da competição estadual até aqui. Um feito para quem tem apenas 19 anos e tem como competidores pela artilharia nomes consagrados como Fred e Ricardo Oliveira, que anotaram cinco gols neste Mineiro, dois a menos que Alerrandro, o maior goleador do Estadual, marcando sete vezes em 2019.

-Todo mundo sabe que o goleador do Atlético é o Ricardo Oliveira. Ele conversou comigo ontem, me deu todo o apoio e pude fazer dois gols. Estou muito feliz. Agora é comemorar a vitória com minha família e com a torcida, que é o mais importante - concluiu Alerrandro.

O jovem centroavante alvinegro poderá confirmar sua artilharia na primeira fase do Mineiro, quarta-feira, 20 de março, às 21h30, em Juiz de Fora, diante do Tupynambás, pela última rodada da fase de classificação do Campeonato Mineiro.