HOME - Eurico Miranda prestigia Unidos da Tijuca no Desfile das Campeãs na Sapucaí (Foto: Carlos Eduardo Sangenetto/LANCE!Press)

Eurico Miranda preferiu não dar palpite para Vasco x Flamengo (Foto: Carlos Eduardo Sangenetto/LANCE!Press)

Carlos Eduardo Sangenetto
14/02/2016
08:24
Rio de Janeiro (RJ)

Assim como no dia oficial de desfiles (relembre aqui), o presidente do Vasco, Eurico Miranda, voltou à Marquês de Sapucaí, na noite deste sábado, para acompanhar de perto a vice-campeã do Carnaval carioca, a Unidos da Tijuca, no camarote da escola do Morro do Borel.

A Unidos da Tijuca entrou na Avenida apenas na madrugada de domingo, por volta das 3h da manhã. Eurico estava lá, firme e forte, no seu canto no camarote, que era decorado, coincidentemente, pela arquibancada popular, com a bandeira do Vasco.

Falando em Vasco, já era dia de clássico, o primeiro do ano, e contra o maior rival, o Flamengo, pela quarta rodada do Campeonato Carioca, em São Januário. Mas quem disse que Eurico quis falar sobre o jogo?

- Não dou entrevista na Sapucaí, nem pitaco - limitou-se a dizer ao LANCE!.

Às 4h25, acompanhado de um segurança, o presidente do Vasco desceu a escada do camarote, dirigiu-se à saída do sambódromo ainda adotando poucas palavras com os torcedores que o abordavam e não viu a Mangueira entrar.

Durante o desfile da Verde e Rosa, a grande campeã do Carnaval do Rio de Janeiro, quem sentou exatamente no lugar de Eurico na cabine foi o também vascaíno Fernando Horta, presidente da Unidos da Tijuca e primeiro vice-presidente geral do Cruz-Maltino. Os dois mantêm uma boa relação política quando o assunto é o Gigante da Colina.