Riascos (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

Riascos (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

Matheus Babo
26/01/2016
09:00
Rio de Janeiro (RJ)

Se o trio Julio Cesar, Diguinho e Andrezinho pretende continuar em São Januário e a tendência é de que a permanência desses jogadores aconteça, outro nome que tem vínculo até o fim de maio não deve continuar em São Januário. Emprestado pelo Cruzeiro, o atacante Riascos vem até treinando como titular neste início de temporada com o técnico Jorginho, mas para manter o colombiano na Colina o Vasco terá que desembolsar cerca de 2 milhões de dólares (R$ 8 milhões), algo considerado fora dos padrões pelo clube.

Recentemente, Boluspor, da Segunda Divisão da Turquia, fez uma proposta pelo empréstimo do jogador. O contato foi feito diretamente com o Cruzeiro, dono dos direitos econômicos de Riascos e a proposta foi para tê-lo até junho, com opção de compra fixada no valor de 2,5 milhões de euros (R$ 11 milhões). No entando, para decidir pela liberação do jogador, o clube mineiro deveria conversar com o Vasco, que não foi notificado sobre a proposta e inicialmente não pretende liberar o jogador.

Riascos vem sendo titular nos treinamentos em uma posição considerada carente pela diretoria cruz-maltina. O clube ainda busca um camisa 9 para a temporada, mas vem esbarrando nas dificuldades financeiras. O técnico Jorginho já admitiu que esta é uma prioridade da comissão técnica, mas que não tem pressa para receber o tão sonhado reforço para o setor ofensivo.