Alexandre Araújo
14/04/2016
00:24
Belém (PA)

Na vitória do Vasco por 1 a 0 sobre o Remo, o destaque acabou sendo Thalles, que  saiu do banco de reservas e fez o gol solitário da partida. O resultado permite ao time jogar até pelo empate na volta, no Rio de Janeiro, para passar à segunda fase. Confira abaixo a nota dos participantes do duelo. 

REMO

6,5
Fernando Henrique

Em chute de Jorge Henrique, boa defesa.


Levy

Saiu ainda nos primeiros minutos do jogo, após sentir lesão.

6,5
Henrique

Com forte marcação, atrapalhou bastante o adversário.

6,0
Max Lelis

Obrigou Martin Silva a fazer grande defesa.

5,0
Ítalo

Teve uma atuação apagada.

4,5
Lucas Garcia

Abusou das jogadas duras, mesmo sem a bola em disputa.

5,5
Chicão

Tentou puxar alguns contraataques. Na marcação, não foi tão bem.

5,0
Yuri Naves

Sofreu um pouco para marcar o lado esquerdo cruz-maltino.

6,5
Eduardo Ramos

Foi um dos destaques do Remo na partida.

6,0
Ciro

Caiu pela ponta esquerda e deu bastante trabalho.

6,0
Luiz Carlos

Foi presença constante na área, mas a bola pouco chegou.

5,0
Alisson

Teve de segurar o lado esquerdo e pouco subiu ao ataque.

5,0
Silvio

Ficou um pouco isolado no ataque, ao lado de Luiz Carlos.


Igor João

Entrou já próximo ao fim da partida. Fica sem nota.

6,5
Marcelo Veiga

Fez o Remo jogar de igual para igual e teve chance de sair de campo com a vitória.

Remo x Vasco
Vasco sofreu, mas venceu o Remo (Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco)

VASCO

7,5
Martin Silva

Em mais de uma oportunidade, fez grandes defesas e evitou que o Remo balançasse a rede.

6,5
Madson

Apareceu bem no ataque, conseguindo espaços e indo à linha de fundo, mas pecou na marcação.

7,0
Luan

Teve atuação segura, com alguns desarmes em momentos certos. Foi bem na saída de bola também.

6,0
Rafael Vaz

Na defesa, não chegou a comprometer. No ataque, quase fez um gol, mas protagonizou um lance bizonho também.

7,0
Henrique

Ficou mais focado na marcação e não foi mal. Quando subiu, fez um cruzamento certeiro para o gol.

6,0
Marcelo Mattos

Cumpriu o papel de marcação à frente da zaga. Na saída de bola, apostou no básico, com toques curtos.

5,0
Yago Pikachu

Entrou como ponta, mas demorou a se achar em campo e teve uma atuação abaixo do que se esperava.

5,5
Andrezinho

Jogou mais recuado que o de costume, preocupando-se também com a marcação. Não fez a diferença nas bolas paradas.

6,5
Nenê

Não esteve em uma boa noite, mas quando conseguiu encaixar uma tabela, saiu o gol cruz-maltino.

5,5
Jorge Henrique

Perdeu um gol que deixou os vascaínos de cabelo em pé. Sofreu com a forte marcação e apanhou bastante.

6,5
Riascos

Foi melhor no segundo tempo, quando passou a buscar jogo e conseguiu segurar a bola no ataque.

5,0
Eder Luis

Foi chamado para dar mais mobilidade à equipe no segundo tempo, mas acabou aparecendo pouco.

7,5
Thalles

Entrou no segundo tempo e decidiu o jogo com um gol típico de centroavante. Comprovou a boa fase.


Evander

Teve oportunidade já nos minutos finais e pouco pôde fazer para mudar a história da partida.

7,0
Jorginho

Com o time cansado, demorou a mexer. Mas, no fim, teve a estrela de colocar o autor do gol que garantiu a vitória.