icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
08/11/2013
11:49

Desde que o Barcelona foi assumido por Gerardo Martino, que substituiu Tito Vilanova (que só deixou o clube por problemas de saúde), há um debate na Espanha de que o clube tenha mudado o seu estilo de jogar. Sob o comando do argentino, chegou até a perder na posse de bola, que é a principal característica deste time, e que agora priorizaria o contra-ataque. Porém, o meia Xavi garante que isso não existe, e garante que não perdeu espaço na equipe catalã.

- Meu lugar no time não mudou. Se me dizem que é necessário mudar algum sistema, direi que não. Eu me sinto mais importante que antes, mais participativo que nunca. Tenho um papel magnífico e perfeito para as minhas condições no Barcelona. Nossa filosofica é intocável e inegociável - disse Xavi, que disse que entende que fora do clube, exista este debate.

- Mas no plantel, não há debate interna. A ideia é fixa e temos as coisas claras. Aceitamos as críticas, mas o jogo não mudou. Nossa mentalidade é de pressionar em cima, roubar e gerar perigo. Isso não é jogar no contra-ataque. Temos que ver o que cada partida pede.

Xavi falou ainda sobre Neymar. O espanhol nunca escondeu ser fã do brasileiro, e agora, depois de alguns meses vendo o craque de perto, ele está ainda mais encantado.

- É um jogador que nos dá profunidade. Tem um mano a mano letal e magnifício. Ele se dá bem com todos, e a cada partida que passa tem mais protagonismo. É um jogador extraordinário. É jovem e tem margem de melhorar - analisou Xavi.