icons.title signature.placeholder Bernardo Cruz, Eduardo Mendes e Thiago Fernandes
icons.title signature.placeholder Bernardo Cruz, Eduardo Mendes e Thiago Fernandes
15/07/2013
19:07

Anunciado pelo Cruzeiro na manhã desse domingo, Willian, de 26 anos, chega a Belo Horizonte no meio desta semana para realizar exames médicos e assinar contrato de empréstimo por uma temporada. A previsão do jogador é desembarcar na capital mineira entre quarta e quinta-feira. Antes de deixar a Ucrânia, o atacante atendeu a reportagem do LANCE!Net para falar sobre a sua expectativa de atuar pelo clube de Minas Gerais.

Na conversa com a nossa equipe, ele falou sobre a negociação, se colocou à disposição do técnico Marcelo Oliveira, elogiou o elenco da Raposa e comentou a sua expectativa para o clássico diante do Atlético-MG, que deve ocorrer no dia 28 deste mês, no Mineirão. Confira, na íntegra, a entrevista exclusiva do atleta.

LANCE!Net: Como ocorreu a negociação com o Cruzeiro?
Primeiramente, estou muito feliz pelo que aconteceu. Aconteceu de forma muita rápida a negociação. Quando chegou a mim, foi algo bem interessante. Trata-se um grande clube. Tomei uma decisão interessante. Mais uma etapa da minha vida, espero que possa ser feliz. Quero dar alegria ao torcedor cruzeirense.

LANCE!Net: Por que a opção de voltar para o Brasil?
Tenho quatro anos de contrato e estava muito bem, vinha de uma pré-temporada muito boa. Na vida, aparecem boas oportunidades. Quando estava no Corinthians, pintou essa vinda para o Metalist, um grande clube também. Agora, apareceu essa oportunidade de ir para o Cruzeiro, quando fiquei muito feliz também. O futebol brasileiro tem grandes jogadores, a maioria está voltando. Eu me sinto muito honrado de ir para o Cruzeiro, de acertar com o clube. A oportunidade aparece e temos que saber aproveitar. Tomei uma decisão bem interessante. É um ano de empréstimo, onde tenho que mostrar meu futebol e dar alegria à torcida, juntamente com um grupo forte. Volto ao Brasil, onde será disputada a Copa do Mundo. Estou muito feliz e espero fazer um grande trabalho, como fiz em outros clubes. Quero mostrar o meu melhor.

LANCE!Net: Caso o Marcelo Oliveira precise, você já está pronto?
Estava treinando muito forte aqui na Ucrânia. Acabamos a pré-temporada agora. Depende ainda das documentações para assinar o contrato. Chego quarta ou quinta-feira para fazer os exames clínicos. Espero que dê tudo certo para a gente poder ficar à disposição do Marcelo Oliveira. É uma coisa que a gente vai esperar acontecer para depois conversar e ficar à disposição. Tenho que tirar um ou dois dias para resolver minhas coisas aí no Brasil.

LANCE!Net: O que sabe sobre Belo Horizonte e o que pode falar sobre o grupo do Cruzeiro?
Não tem nem explicação. É uma cidade em que todos falam muito bem. Tem a simpatia do povo mineiro, todo mundo fala bem. Estou feliz e minha família também, sobretudo pela volta ao Brasil. É algo muito gostoso. Trata-se de um grupo muito forte, com jogadores de qualidade. Chego para ajudar, para procurar o meu espaço, sempre com a disputa sadia. Fico feliz por participar de um grupo muito qualificado. Tenho certeza que faremos um campeonato muito bom.

LANCE!Net: Você acha que o Cruzeiro repete o trabalho feito pelo Corinthians antes de conquistar o Brasileirão e a Libertadores?
Eu acho que se trata de um grupo muito forte, com jogadores de muita qualidade. Fico feliz por chegar a um grupo assim. Estamos fazendo um começo de campeonato muito bom e no caminho certo na Copa do Brasil. O clube tem uma torcida muito forte, que apóia o tempo todo. Isso faz muita diferença. Tem que confiar no grupo, que está muito bem. Tenho acompanhado os jogos e fico feliz por participar de um grupo desses. Espero fazer parte de um elenco vencedor.

LANCE!Net: O que você pode dizer sobre o trabalho de Marcelo Oliveira?
Eu nunca trabalhei com o Marcelo, mas já joguei varias vezes contra. Ele sabe da forma que eu gosto de jogar, isso facilita muito. Não tenha dúvidas que vou chegar para ajudar, sabendo que temos muita qualidade no setor ofensivo. Vou brigar pelo meu espaço, numa disputa muito sadia. É bom ter opções de jogadores. Fico feliz pelo projeto do Cruzeiro e por participar de um grupo maravilhoso como esse.

LANCE!Net: Dá para imaginar o primeiro clássico em Minas Gerais? Já parou para pensar como será o jogo contra o Atlético-MG?
Espero que eu possa dar sorte contra o Atlético. Quando estava no Brasil, sabia da rivalidade entre os dois. São dois grandes clubes e sempre saem jogos muito interessantes quando se enfrentam. Mesmo com o bom momento do Atlético, o Cruzeiro está com um grupo muito forte. Estou me sentindo bem, estava treinando. Vou fazer o meu melhor. O importante é chegar bem. Estou muito feliz, espero fazer o meu melhor sempre.

LANCE!Net: Definiu a camisa que vai usar já?
Ainda não me falaram nada, até porque não pensei nisso. O importante é vestir essa camisa maravilhosa e poder ajudar. Não me preocupo muito com isso, fica a critério do Cruzeiro. O importante é vestir e honrar a camisa do Cruzeiro sempre.

Anunciado pelo Cruzeiro na manhã desse domingo, Willian, de 26 anos, chega a Belo Horizonte no meio desta semana para realizar exames médicos e assinar contrato de empréstimo por uma temporada. A previsão do jogador é desembarcar na capital mineira entre quarta e quinta-feira. Antes de deixar a Ucrânia, o atacante atendeu a reportagem do LANCE!Net para falar sobre a sua expectativa de atuar pelo clube de Minas Gerais.

Na conversa com a nossa equipe, ele falou sobre a negociação, se colocou à disposição do técnico Marcelo Oliveira, elogiou o elenco da Raposa e comentou a sua expectativa para o clássico diante do Atlético-MG, que deve ocorrer no dia 28 deste mês, no Mineirão. Confira, na íntegra, a entrevista exclusiva do atleta.

LANCE!Net: Como ocorreu a negociação com o Cruzeiro?
Primeiramente, estou muito feliz pelo que aconteceu. Aconteceu de forma muita rápida a negociação. Quando chegou a mim, foi algo bem interessante. Trata-se um grande clube. Tomei uma decisão interessante. Mais uma etapa da minha vida, espero que possa ser feliz. Quero dar alegria ao torcedor cruzeirense.

LANCE!Net: Por que a opção de voltar para o Brasil?
Tenho quatro anos de contrato e estava muito bem, vinha de uma pré-temporada muito boa. Na vida, aparecem boas oportunidades. Quando estava no Corinthians, pintou essa vinda para o Metalist, um grande clube também. Agora, apareceu essa oportunidade de ir para o Cruzeiro, quando fiquei muito feliz também. O futebol brasileiro tem grandes jogadores, a maioria está voltando. Eu me sinto muito honrado de ir para o Cruzeiro, de acertar com o clube. A oportunidade aparece e temos que saber aproveitar. Tomei uma decisão bem interessante. É um ano de empréstimo, onde tenho que mostrar meu futebol e dar alegria à torcida, juntamente com um grupo forte. Volto ao Brasil, onde será disputada a Copa do Mundo. Estou muito feliz e espero fazer um grande trabalho, como fiz em outros clubes. Quero mostrar o meu melhor.

LANCE!Net: Caso o Marcelo Oliveira precise, você já está pronto?
Estava treinando muito forte aqui na Ucrânia. Acabamos a pré-temporada agora. Depende ainda das documentações para assinar o contrato. Chego quarta ou quinta-feira para fazer os exames clínicos. Espero que dê tudo certo para a gente poder ficar à disposição do Marcelo Oliveira. É uma coisa que a gente vai esperar acontecer para depois conversar e ficar à disposição. Tenho que tirar um ou dois dias para resolver minhas coisas aí no Brasil.

LANCE!Net: O que sabe sobre Belo Horizonte e o que pode falar sobre o grupo do Cruzeiro?
Não tem nem explicação. É uma cidade em que todos falam muito bem. Tem a simpatia do povo mineiro, todo mundo fala bem. Estou feliz e minha família também, sobretudo pela volta ao Brasil. É algo muito gostoso. Trata-se de um grupo muito forte, com jogadores de qualidade. Chego para ajudar, para procurar o meu espaço, sempre com a disputa sadia. Fico feliz por participar de um grupo muito qualificado. Tenho certeza que faremos um campeonato muito bom.

LANCE!Net: Você acha que o Cruzeiro repete o trabalho feito pelo Corinthians antes de conquistar o Brasileirão e a Libertadores?
Eu acho que se trata de um grupo muito forte, com jogadores de muita qualidade. Fico feliz por chegar a um grupo assim. Estamos fazendo um começo de campeonato muito bom e no caminho certo na Copa do Brasil. O clube tem uma torcida muito forte, que apóia o tempo todo. Isso faz muita diferença. Tem que confiar no grupo, que está muito bem. Tenho acompanhado os jogos e fico feliz por participar de um grupo desses. Espero fazer parte de um elenco vencedor.

LANCE!Net: O que você pode dizer sobre o trabalho de Marcelo Oliveira?
Eu nunca trabalhei com o Marcelo, mas já joguei varias vezes contra. Ele sabe da forma que eu gosto de jogar, isso facilita muito. Não tenha dúvidas que vou chegar para ajudar, sabendo que temos muita qualidade no setor ofensivo. Vou brigar pelo meu espaço, numa disputa muito sadia. É bom ter opções de jogadores. Fico feliz pelo projeto do Cruzeiro e por participar de um grupo maravilhoso como esse.

LANCE!Net: Dá para imaginar o primeiro clássico em Minas Gerais? Já parou para pensar como será o jogo contra o Atlético-MG?
Espero que eu possa dar sorte contra o Atlético. Quando estava no Brasil, sabia da rivalidade entre os dois. São dois grandes clubes e sempre saem jogos muito interessantes quando se enfrentam. Mesmo com o bom momento do Atlético, o Cruzeiro está com um grupo muito forte. Estou me sentindo bem, estava treinando. Vou fazer o meu melhor. O importante é chegar bem. Estou muito feliz, espero fazer o meu melhor sempre.

LANCE!Net: Definiu a camisa que vai usar já?
Ainda não me falaram nada, até porque não pensei nisso. O importante é vestir essa camisa maravilhosa e poder ajudar. Não me preocupo muito com isso, fica a critério do Cruzeiro. O importante é vestir e honrar a camisa do Cruzeiro sempre.