icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
22/11/2014
17:02

Um dos maiores destaques do Fluminense na temporada, Wagner estará de volta ao time na partida contra o Sport, neste domingo, às 16h, na Arena Pernambuco, em Recife, às 17h, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. Depois de cumprir suspensão na última rodada, quando o Tricolor foi goleado pela Chapecoense, no Maracanã, o meia-atacante completará o jogo de número 50 em 2014

Mesmo com o time tendo se complicado na luta por uma das vagas na Copa Libertadores do ano que vem com a derrota no meio de semana, Vagner tem motivos para comemorar. Além de ter alcançado uma regularidade como titular, o jogador marcou 13 gols este ano. Para ele, isto é motivo de alegria.

- Apesar do desgaste ter sido mais intenso por causa da Copa do Mundo, 2014 vem sendo um ano muito especial para mim. É uma temporada que eu consegui mostrar o meu potencial no Fluminense, e os resultados acabaram aparecendo como consequência de um trabalho benfeito. Agora, restam três partidas para acabar a temporada, e temos que dar um gás a mais nessa reta final para alcançar o principal objetivo desse segundo semestre, que é a vaga para a Libertadores - disse Wagner.

Nas 49 partidas que Wagner disputou este ano, o Fluminense conseguiu 27, empatou 12 e perdeu outras 10. Com 57 pontos e ocupando a sétima colocação na tabela de classificação do Brasileirão. Mesmo assim, faltando três rodadas para o fim, Wagner afirma que é preciso acreditar que é possível conseguir a vaga para o torneio continental.

- Esse ano foi desgastante para todos os clubes do Campeonato Brasileiro. Por isso, eu acho que a diferença entre todos está sendo muito pequena. Acredito que, com os 57 pontos que temos, nós estaríamos entre os quatro ou cinco melhores da competição em qualquer ano. Como este foi atípico, não estamos, mas ainda temos chances. Claro que, com a derrota para a Chapecoense, a nossa situação ficou mais complicada, mas confiamos na classificação. A história recente já mostrou que nunca é bom duvidar do Fluminense. Ainda restam três jogos e tudo pode acontecer - destacou o jogador.