icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
08/03/2014
16:23

O Tottenham foi valente, resistiu e fez um jogo duríssimo durante 55 minutos de bola rolando. Mas o Chelsea, em Stamford Bridge, e com José Mourinho, é uma fortaleza. Neste sábado, os Blues venceram o clássico londrino por 4 a 0 em detalhes suficientes para desmontar o adversário, que tropeçou nas próprias pernas. O nome do jogo foi o 'vovô' Eto'o, responsável pela guinada dos anfitriões.

Os Blues disparam na liderança do Campeonato Inglês com a goleada, somando 66 pontos, contra 59 de Liverpool e Arsenal, que aparecem na sequência. Os Spurs seguem na quinta colocação, com 53.

A partida teve muita intensidade nos dez primeiros minutos. Os dois times começaram avançando. O Chelsea foi mais objetivo e assustou com mais perigo. Na sequência, o Tottenham respondeu, assumindo o controle da posse de bola e criando oportunidades na mesma proporção.

No segundo tempo, os visitantes começaram até melhor. O jogo se desenhava complicadíssimo para os donos da casa até Vertonghen escorregar e deixar Eto'o na cara de Lloris. O camaronês não teve piedade do rival, colocou lá dentro e saiu comemorando como um velhinho.

O desequilíbrio estava selado. O camisa 29 apareceu mais uma vez e sofreu pênalti. Kaboul foi expulso e deixou o Tottenham com dez. Para afundar o adversário, Hazard acertou a cobrança.

Com espaço para atacar, o Chelsea foi à frente para deixar o adversário mais perdido do que cego em tiroteio. E assim seguiu o clássico. Com os Blues deitando e rolando e o até então valente Tottenham acuadinho atrás. Demba Ba teve tempo para aumentou o placar e colocar mais duas bolas na rede na conta.