icons.title signature.placeholder Thiago Ferri
06/06/2014
08:03

Ricardo Gareca já mostrou-se aberto a receber seus ex-comandados no Palmeiras. A busca por jogadores gringos, porém, esbarra no fato de o clube já ter quatro sul-americanos no elenco. Fernando Tobio, do Vélez Sarsfield (ARG), tem tudo para se juntar a eles. O quinteto, portanto, ocuparia todas as vagas de estrangeiros permitidas por jogo. Lucas Pratto, também do Vélez, é mais um sonho distante no clube.

O número de atletas sul-americanos no grupo foi o motivo para o Palmeiras não avançar por enquanto em conversas com o volante Ariel Cabral, do Vélez Sarsfield (ARG), 26 anos e ex-comandado por Gareca.

Seu estafe o ofereceu nesta semana ao gerente de futebol, Omar Feitosa, mas as negociações não evoluíram. O dirigente ainda quer esperar para definir antes a situação dos estrangeiros do Verdão.

Dois deles são bastante usados: os meias Valdivia e Mendieta. Eguren e Victorino, por outro lado, não. O volante perdeu espaço, e volta ao time após um período de treinos com a seleção uruguaia – ele foi cortado pouco antes da Copa. Embora em seu país tenha sido noticiado um interesse do Nacional (URU), seu empresário diz que ele não quer sair e Gareca não descartou usá-lo ainda.

Victorino depende da sua condição física. Sem jogar desde setembro de 2012, o camisa 4 chegou em janeiro e, atrapalhado por lesões, ainda tenta estrear pelo clube. Assim como Eguren, ele tem contrato até o fim deste ano com o Palmeiras.

No caminho oposto da dupla uruguaia, o paraguaio Mendieta e o chileno Valdivia são mais utilizados. O Mago é o titular no meio de campo, e tem o camisa 8 como seu principal substituto na armação alviverde.

Mendieta acertou por quatro anos e não deve sair tão cedo do Alviverde. Valdivia, por sua vez, tem contrato até agosto de 2015. Dos quatro, é que tem mais chance de sair – e logo. Com Wagner Ribeiro como agente, o jogador tenta voltar à Europa depois de disputar a Copa, já podendo abrir uma vaga a novos gringos.

Sul-americanos movimentam mercado da bola

OS PEDIDOS DE GARECA

Tobio
Tem contrato até o fim de junho com o Vélez (ARG) e não renovará. Já está animado com a chance de jogar no Palmeiras, e acertará um vínculo de longa duração com o Alviverde.  

Lucas Pratto
Possui vínculo mais longo com o Vélez – até 2016. O clube deseja vendê-lo por 4,5 milhões de euros (R$ 13,8 milhões) ao Verdão, mas o valor é considerado muito alto. Assim como Tobio, foi um pedido de Ricardo Gareca. O Palmeiras fez uma oferta por 50% de seus direitos, mas esta foi recusada. O clube é pessimista quanto à chance de trazê-lo – depende de um investidor.