icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
28/03/2014
09:15

Mais de 40 barcos da classe optimist estarão presentes nas regatas da Taça Almirante Tamandaré na Represa Guarapiranga que acontece na próxima sexta (29) e no próximo sábado (30). A ideia é aproveitar a oportunidade para somar pontos no ranking paulista de 2014. O campeonato também será aberto à classe 420, porém sem pontuação para o ranking.

A Taça Almirante Tamandaré é a segunda competição da temporada válida pelo ranking paulista de Optimist. A primeira foi a Taça Flotilha da Garoa, com vitória de Olívia Belda, que na ocasião estava se transferindo do Clube de Campo São Paulo (CCSP) para integrar o Audi YCSA Sailing Team. Olívia defende a liderança do ranking e terá entre os adversários os companheiros de pódio da primeira disputa, André Fiúza (CCSP) e Pedro Bomeisel (YCSA). Os velejadores Marcelo Chao e Nicolas Bernal, ambos do YCSA, também podem ser incluídos entre os favoritos.

"Além de prestarmos uma homenagem ao patrono da Marinha do Brasil (Almirante Tamandaré), a Taça é importante porque vai trazer os principais velejadores de Optimist. Todos querem evoluir no ranking. Os velejadores de 420, como correm na mesma raia, vão aproveitar a oportunidade para competir em alto nível, mesmo não valendo para o ranking", opina o coordenador náutico do YCSA, Marco del Porto.

Apesar da classe não somar pontos no ranking, dez duplas de 420 devem correr na Raia 1 da represa, entre elas, a campeã da Copa Juventude no último final de semana em Florianópolis, formada por Giuliana Tozzi e Marina Arndt. O título garantiu à dupla a vaga para representar o Brasil no Mundial da Juventude, em julho, em Portugal. Helena de Marchi e Elisa von Fritsch, que também estiveram em Florianópolis, assim como Eric Belda e Rodrigo Dabus, campeões brasileiros de 420 na categoria júnior e vencedores da Taça Flotilha da Garoa, em fevereiro também estarão presentes nas raias.

As regatas serão disputadas a partir das 13h, sábado e domingo. Estão previstas três largadas em cada dia e a partir da quinta prova descarta-se o pior resultado. A previsão é de ventos fracos nos dois dias, podendo aumentar de intensidade no domingo, sempre variando de sueste a nordeste. A cerimônia de premiação está marcada para domingo às 17h30 com a presença de oficiais do 8º Distrito Naval da Marinha do Brasil.