icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
25/02/2015
20:26

Atuais campeãs mundiais, líderes do ranking da Federação Internacional de Vela (ISAF) na classe 49erFX e eleitas as melhores velejadoras do mundo no ano passado, as brasileiras Martine Grael e Kahena Kunze começam, nesta quinta-feira, a disputa do Oceanbridge Sail Auckland, na Nova Zelândia.

A competição reúne mais de 170 barcos e contará com velejadores de países como Alemanha, Suíça , EUA, Irlanda, Dinamarca, entre outros. Para Martine e Kahena, que estão na Nova Zelândia desde o dia 8 de fevereiro, o Oceanbridge Sail Auckland servirá mais como preparação para os próximos desafios da temporada: em abril, elas defendem em Mallorca, na Espanha, o título do Trofeo Princesa Sofia, um dos mais tradicionais do circuito mundial.

- Para a gente é mais uma etapa de preparação para as competições mais importantes e uma oportunidade para aprimorar alguns fundamentos. Vamos velejar com os meninos, que usam velas maiores, o que é um desafio e será bom para nos puxar. - destacou Martine Grael.

- Estamos tranquilas, pois este torneio é mais um treino do que uma regata, até porque vamos velejar junto com os meninos. Mas é uma boa experiência, já que teremos que pensar com certa antecedência a tática e as manobras. - completou Kahena Kunze.

O Oceanbridge Sail Auckland é a terceira competição da dupla Martine Grael e Kahena Kunze na temporada 2015. No final de janeiro, elas conquistaram a medalha de bronze na segunda etapa da Copa do Mundo de Vela, em Miami. Pouco antes disso, as brasileiras haviam vencido o Miami MidWinters, torneio preparatório para a etapa da Copa do Mundo.