icons.title signature.placeholder L! Universidade
22/07/2014
20:13

O lateral-esquerdo André Santos afirmou que seu contrato havia sido rescindido pelo Flamengo. O jogador que não vem tendo boas atuações seria o primeiro integrante de uma barca que deve ter outros jogadores com altos salários. Horas depois de anunciada a recisão com o jogador, a diretoria rubro-negra não confirmou a ação, o que gerou grande repercussão.

A ação correta dos mandatários do clube da Gávea seria proteger o jogador no cenário atual da equipe, mas não fez da forma correta. Essa é a tese de José Carlos Marques, coordenador do Grupo de Estudos em Comunicação Esportiva e Futebol da Unesp em Bauru.

- Normalmente alguns setores dos clubes enxergam qual seria o alvo mais fácil pra ser atingido quando há uma crise de resultados e às vezes o jogador que é agredido, é aquele que eles querem fora do time e arranjam uma questão externa, neste caso a agressão, para que o jogador saia e seja descartado como se fosse lixo. Acho que o jogador foi imprudente em sair do estádio sem segurança para um outro transporte sem os seus companheiros e acho que deveria ter havido um cuidado maior das forças de segurança, mas se não fosse no estádio isso poderia acontecer em qualquer lugar: na chegada no aeroporto no Rio de Janeiro, na chegada da delegação na Gávea. Então essa é uma espécie de atividade criminosa anunciada e várias pessoas no Flamengo sabiam que isso ia acontecer e permitiram que acontecesse, então eu acredito que os culpados estão dentro do clube - afirmou.

O especialista, comentou sobre a forma como os integrantes de torcidas organizadas agem em assuntos dentro do clube e afirmou que esse episódio é uma amostra da política conturbada na Gávea nos últimos anos.

- Mais uma vez é uma atitude lamentável de torcedores que no fundo agem em nome da entidade que eles represetam, as torcidas organizadas, mas que eventualmente e parece ser esse o caso eles estão a mando de outras pessoas, de outros interesses. A gente sabe que as organizadas sempre tiveram uma relação promíscua com diretorias e setores do clube. E um clube onde a politica é tão conturbada como é o Flamengo nos ultimos anos isso é apenas a amostra de uma série de complicações que envolvem a gestão de uma nação como o Flamengo.