icons.title signature.placeholder Craque do Futuro - Marina Proton
25/03/2014
15:07

O Tupi corre atrás de um novo técnico desde a saída de Paulo Campos, que aconteceu na semana passada. A definição deve ocorrer a partir desta sexta-feira. O grupo reapresenta-se em Santa Terezinha na tarde de quarta-feira ainda sem comandante.

Para o vice-presidente do Conselho Gestor do Tupi, Cloves Santos, um técnico não é necessário no início dos trabalhos, visto que nessa fase serão feitos exames e e atividades físicas. Com isso o grupo ficará por conta da comissão técnica permanente do clube. Para isso, o Carijó conta com o preparador físico, Luís Augusto Alvim, além de Lúdyo Santos e Júlio Cirico, ambos auxiliares-técnicos.

- Eles vão começar o trabalho, e avançaremos nas negociações para escolhermos o treinador com tranquilidade - explicou o dirigente em entrevista ao Jornal Tribuna de Minas.

Léo Condé, que já dirigiu o Tupi e está à frente da Caldense, é o mais cotado para assumir o grupo. Os nomes de Felipe Surian, ex-Anápolis, e Mario Marques, que desligou-se do Bangu no último domingo, também correm nos bastidores.