icons.title signature.placeholder Enrico Bruno
26/03/2014
11:45

A disputa da Copa Libertadores junto com o Campeonato Mineiro permitiu que ao técnico Paulo Autuori preservar alguns jogadores titulares quando necessário na primeira fase do estadual. O rodízio contribuiu também para dar mais espaço e as primeiras oportunidades aos eventuais reservas. A rotatividade, no entanto, ajudou não só para descançar os principais jogadores, mas para aumentar ainda mais a confiança dos atletas pouco utilizados pelo treinador, como é o caso de Neto Berola e Guilherme, eventuais reservas que se destacaram no clássico do último domingo, contra o América-MG.

- O Paulo (Autuori) tem me passado muita confiança, assim como aconteceu com o Berola, o Rosinei e outros atletas. Eu atribuo essa boa fase ao Paulo, que nos dá conforto para entrar em campo e desempenhar um bom futebol - falou o meia Guilherme, em alta no Galo.

MAIS:
> Boa atuação no último domingo mantem Berola como titular
> Apresentado no aniversário do clube, Guilherme comemora três anos de Galo

Recém promovido aos profissionais por Autuori, o jovem Alex Silva é um desses jogadores citados por Guilherme. O lateral de apenas 19 anos já teve suas primeiras oportunidades no time, atuando tanto na lateral direita quanto na esquerda. O maior teste do jogador deverá ser neste domingo, quando terá a oportunidade de iniciar uma partida como titular da lateral-direita, já que Marcos Rocha está suspenso.

- Graças a Deus, tive essa oportunidade, até pelo lado esquerdo também. O treinador confia em mim, estou aprendendo muito. O Paulo Autuori passa confiança, sabe que o Atlético tem garotos de qualidade. É importante ter essa confiança, da torcida e do treinador - disse o jovem.