icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
20/02/2015
12:43

Protagonistas de uma das mais violentas brigas em estádios de futebol no Brasil nos últimos anos, durante o jogo entre Atlético-PR e Vasco, em Joinville (SC), em dezembro de 2013, as torcidas dos dois clubes se reunirão na próxima terça-feira, às 15h, na Câmara Municipal de São Paulo, para evitarem novos confrontos. O encontro será mediado pela Associação Nacional das Torcidas Organizadas (Anatorg).

- A ideia que foi colocada é que o fato deixou um legado negativo para ambas a partes, tanto coletivamente, quanto pessoalmente para algun. É uma forma de aprender. O fato ocorrido trouxe uma consciência maior. Com a volta do Vasco, eles viram a necessidade de evitar novos problemas. Eles procuraram o caminho do diálogo para que isso não volte a acontecer - disse André Azevedo, presidente da Anatorg, ao site Globoesporte.com, destacando que o objetivo não é encontrar culpados pelo ocorrido:

- De certa maneira, eles estão assumindo erros. Sabem que erraram, mas sabem que outros "artistas" também tiveram culpa. Sabem de seus erros e acharam que o diálogo é melhor maneira para que isso não volte a acontecer. O que passou não podemos apagar. A discussão não é para ver quem errou, é futura. Andar para frente para que não haja nada premeditado. Queremos defender as instituições, as penalidades individuais vão seguir. Queremos preservar as torcidas. Promovemos encontros de torcidas que nunca se falaram. Atlético-MG e Cruzeiro, Sport e Santa Cruz, Ceará e Fortaleza. Isso é algo pioneiro.

Para buscar medidas contra a violência nos estádios de futebol, o ministro do Esporte, George Hilton, se reuniu com a Anatorg, em que ficou decidido que será criado um grupo de trabalho para este fim.

- Algumas ideias já estão sendo trabalhadas, como a criação de um banco de dados que venha a ter um cadastro nacional de todos os torcedores. Há também a ideia de criação de um serviço de disque-denúncia, que vai focar nos elementos que praticam atos criminosos e se travestem de torcedores - disse o ministro após a reunião.

Como o Vasco foi rebaixado à Série B do Campeonato Brasileiro, justamente nesta partida contra o Atlético-PR, em 2014, os clubes não se enfrentaram. Com os vascaínos de volta à Série A neste ano, a Anatorg toma a iniciativa de promover o encontro entre as torcidas.