icons.title signature.placeholder Ivo Felipe
20/12/2013
16:26

Foi mais fácil do que o esperado. A Sérvia atropelou a Polônia na primeira semifinal do Mundial Feminino de Handebol, nesta sexta-feira, em Belgrado (SER). A equipe da casa fez 24-18 e é a primeira finalista do torneio. O rival será decidido no duelo de logo mais entre Brasil e Dinamarca, que começará às 17h45 (de Brasília).

Este é o primeiro Mundial para o qual a Sérvia se classifica desde que se tornou um país independente, em 2006. Como Iugoslávia, a equipe já sagrou-se campeã uma vez, em 1973. Mesmo "inexperiente", o time sobrou em quadra, contando com a pressão maciça da torcida que lotou a Arena Belgrado. No total, foram 18.236 espectadores no ginásio, o que é um novo recorde de público em uma partida de Mundiais Femininos da modalidade.

Na partida que culminou com a ida à decisão do torneio, a Sérvia contou com a grande atuação de sua capitã, a estrela Andrea Lekic. Ela foi responsável por cinco gols apenas na etapa inicial, o que praticamente decidiu o confronto. Para se ter uma ideia, o time polonês inteiro fez seis tentos nos primeiros 30 minutos, que terminaram com 14 a 6 no placar.

Na segunda etapa, as sérvias tiraram o pé do acelerador e contaram com o nervosismo das jogadoras polonesas, que erraram muitas finalizações. Com a vaga praticamente assegurada, o técnico Sasha Boskovic aproveitou também para dar ritmo a algumas atletas que podem ser utilizadas na decisão.

A final do Mundial Feminino de Handebol será disputada neste domingo, também na Arena Belgrado, às 14h15 (de Brasília). A Polônia também espera a partida entre Brasil e Dinamarca para saber com quem jogará, também no domingo, na briga pela medalha de bronze. O duelo que pode render uma inédita medalha para o handebol polonês ocorrerá às 11h30.