icons.title signature.placeholder Rodrigo Ciantar e Thiago Henrique
21/03/2014
07:34

A torcida botafoguense, que nesta Libertadores vem fazendo a diferença, pode ter um motivo a mais para comemorar no dia da próxima partida do time na competição sul-americana. E antes mesmo de a bola sequer rolar. É que o projeto de lei para criação do Dia do Torcedor do Botafogo entrou na pauta justamente do próximo dia 2, data do duelo com o Uniõn Española. E, segundo os idealizadores, com grandes chances de aprovação.

Mas não foi por mero acaso que o projeto entrou na pauta deste dia. Os idealizadores fizeram um grande esforço internamente, pois querem que a provável aprovação seja um verdadeiro esquenta para o jogo contra os chilenos, no Maracanã.  Torcedores já se movimentam, inclusive, para encher as galerias próximas à Alerj durante a votação e, em seguida, seguirem para o estádio, já com o Dia do Torcedor do Botafogo garantido.

O projeto tem como idealizadora a deputada Enfermeira Rejane, que contou também com a assinatura de outros 13 deputados botafoguenses da casa. Ele foi apresentado em 2011, já passou por todo o processo e, em primeira votação, foi aprovado de forma unânime. O que dá grande otimismo.

O dia escolhido para comemorar o Dia do Torcedor do Botafogo é 9 de agosto, que homenageará Zagallo, que nasceu nesta data.

– Espero que no próximo dia 2 os torcedores possam ir ao jogo já com o dia deles garantido. E que todo dia 9 de agosto tenham algo a mais para comemorar – disse Rejane.

Agora, para ser levado para sanção do governador Sérgio Cabral, resta apenas ser aprovado nesta segunda votação.Para dar ainda mais peso, torcedores colheram cerca de 1.500 assinaturas, somente nos últimos dois jogos do time pela Libertadores. A lista será anexada ao projeto.

– É um dia para valorizarmos essa torcida apaixonada. E esse projeto não é coisa da Rejane, é a torcida do Botafogo que quer isso também – explicou a deputada.

ANTES DO MARACANÃ, TORCIDA VAI À ALERJ

Um grupo de botafoguenses de Campos dos Goytacazes já começa a se articular para encher as galerias da Alerj no dia da votação. Pelo menos um ônibus com cerca de 50 torcedores já está acertado que estará no local antes da partida. A votação terá início por volta das 16h, e o jogo às 19h45.

– Já estamos definindo isso. Vamos com um ônibus para a Alerj e depois vamos ao Maracanã. Vai ser um esquenta para o jogo. Mas com certeza mais e mais torcedores vão aparecer e vamos fazer uma festa lá – disse Carlos Eduardo Delfim, torcedor botafoguense e primo da deputada Enfermeira Rejane.

Carlos Eduardo tem sido o responsável por colher as assinaturas de torcedores em dias de jogos, contando com auxilio do irmão, Marcos Paulo, e amigos. Eles estavam no Maracanã na última terça-feira, com prancheta na mão, abordando a torcida.