icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
31/07/2014
17:41

Alan Kardec foi um dos quatro desfalques do São Paulo na última quarta-feira contra o Bragantino pela terceira fase da Copa do Brasil. Como já havia disputado a competição pelo Palmeiras na primeira fase, o centroavante não poderá ser utilizado por Muricy Ramalho no torneio neste ano, mas não deixou de acompanhar a vitória por 2 a 1 em Ribeirão Preto.

- Foi estranho, mas acho que pude passar força para os companheiros torcendo, analisando como joga a equipe adversária. Não foi bom ficar fora, mas pelo menos a equipe conseguiu uma vitória em um jogo difícil. Agora é saber aproveitar o bom resultado fora de casa e dar sequência nisso - ressaltou o camisa 14.

Ao vencer no estádio Santa Cruz, o Tricolor abriu boa vantagem para o jogo de volta no Morumbi, marcado para o dia 13 de agosto. Para avançar às oitavas de final, os são-paulinos precisam de qualquer vitória ou empate e, para dar mais tranquilidade, até mesmo uma derrota por 1 a 0 resultará em classificação. Todo esse conforto foi gerado pelo gol de pênalti marcado por Alexandre Pato.

- Quando temos companheiros confiantes, quem ganha é o grupo. Eu particularmente sou fã do Pato, fico feliz por ele, pois sei como é importante para atacante encontrar o caminho do gol. A felicidade dele é a de todos nós, pois quando um ganha, ganha todo o grupo. Agora não vejo a hora de poder entrar em campo de novo, e claro, espero que possa marcar meu primeiro gol no Morumbi - projetou.

A volta de Alan Kardec deve acontecer no sábado, quando o São Paulo encara o Criciúma pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. O jogo das 18h30 no Morumbi será a chance do time interromper série de duas derrotas seguidas, para Chapecoense e Goiás.