icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
13/07/2013
19:37

Até o fim da tarde deste sábado, foram vendidos 25.500 ingressos para o duelo entre Corinthians e Atlético-MG, neste domingo, às 16h, no Pacaembu, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro.

Não há mais ingressos para o setor de arquibancada (amarela e verde). As vendas ocorrerão neste domingo somente no Pacaembu, das 10h às 16h. Restam bilhetes de: tobogã (R$ 30), portão 21 (R$ 30), cadeira laranja (R$ 70), numerada (R$ 100) e área vip (R$ 180).

O Corinthians atuará com desfalques porque Danilo, Emerson Sheik, Douglas e Renato Augusto não estão liberados pelo departamento médico. Já o Atlético-MG terá uma equipe recheada de reservas, pois o foco está na decisão da Libertadores, na próxima quarta-feira, diante do Olimpia, no Defensores Del Chaco, em Assunção (PAR). Vale lembrar que o Timão também terá uma decisão na próxima quarta: a segunda final da Recopa, diante do São Paulo, no Morumbi - o primeiro duelo foi vencido pela equipe de Tite, por 2 a 1, no Morumbi.


Até o fim da tarde deste sábado, foram vendidos 25.500 ingressos para o duelo entre Corinthians e Atlético-MG, neste domingo, às 16h, no Pacaembu, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro.

Não há mais ingressos para o setor de arquibancada (amarela e verde). As vendas ocorrerão neste domingo somente no Pacaembu, das 10h às 16h. Restam bilhetes de: tobogã (R$ 30), portão 21 (R$ 30), cadeira laranja (R$ 70), numerada (R$ 100) e área vip (R$ 180).

O Corinthians atuará com desfalques porque Danilo, Emerson Sheik, Douglas e Renato Augusto não estão liberados pelo departamento médico. Já o Atlético-MG terá uma equipe recheada de reservas, pois o foco está na decisão da Libertadores, na próxima quarta-feira, diante do Olimpia, no Defensores Del Chaco, em Assunção (PAR). Vale lembrar que o Timão também terá uma decisão na próxima quarta: a segunda final da Recopa, diante do São Paulo, no Morumbi - o primeiro duelo foi vencido pela equipe de Tite, por 2 a 1, no Morumbi.