icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
02/03/2014
16:05

O Real Madrid visitou o Atlético de Madrid neste domingo, pelo Campeonato Espanhol, conseguiu o empate por 2 a 2 com gol de Cristiano Ronaldo na reta final, manteve-se na liderança, mas mesmo assim Carlo Ancelotti reclamou do rival. Para o técnico dos Merengues, o Colchonero abusou da violência.

- A partida foi difícil. Nós queríamos jogar, mas o Atlético de Madrid fez uma partida brusca, e não era fácil sair. No fim, começamos a jogar e tivemos muitas oportunidades. Eles quiseram fazer uma partida violenta e isso custa para nós. A resposta é pensar só no jogo, não em outras coisas - disse Ancelotti em entrevista coletiva.

O técnico do Real Madrid ainda explicou suas substituições. Principalmente a dos laterais. Tirou Arbeloa e Fábio Coentrão, e colocou Carvajal e Marcelo, que foram bem. O espanhol criou a jogada do gol do Cristiano Ronaldo.

- Arbeloa e Coentrão estavam frescos. Nos últimos 30 minutos, quando precisávamos pressionar pelos lados, botei os dois. Mudamos muito no ataque pelos lados e nos contra-ataques, algo que não estávamos fazendo. No fim, o Atlético cansou e não conseguiu atacar como antes - esclareceu.