icons.title signature.placeholder Carlos Alberto Vieira
25/06/2014
19:55

Eliminada da Copa do Mundo, a seleção de Honduras não tem mais técnico. Isso porque o treinador Luis Fernando Suárez anunciou a saída dele do comando da equipe na entrevista coletiva após a derrota sofrida diante da Suíça, por 3 a 0, nesta quarta-feira, em Manaus.

- Quero trabalhar em outro lugar. Tomo unilateralmente a decisão de não continuar. Ainda não tenho emprego ainda e espero que alguém olhe para mim. Será mais fácil não ser visto como Cinderela - disse o técnico, em referência ao bom trabalho que fez à frente de Honduras, levando a Bicolor ao Mundial.

- Não quero ser lembrado como o técnico que teve três derrotas (na Copa). Espero ser lembrado como o técnico que levou Honduras à Copa. Que o torcedor se lembre de mim com carinho. Eu vou embora tranquilo. Não foi um fracasso a minha participação em Honduras. Por três anos me dediquei, deu o meu máximo e eu saio com a alma em paz - disse Suárez.

Por fim, o ex-treinador ainda mostrou otimismo com o futuro da seleção de Honduras em outras competições. Suárez disse também ter evoluído no comando da Bicolor.

- Temos jovens bons de bola e o novo técnico perceberá que tem bom material humano e chances de se classificar para as Olimpíadas, outras Copas... Ficarei ligado nas notícias de Honduras. Serei mais um torcedor de Honduras. Eu vou sempre torcer por um time onde houver jogador de Honduras, pois estes jogadores, este país, me ajudaram a crescer - comentou.