icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
04/03/2014
18:30

Um duelo traiçoeiro. É como Moacir Júnior acredita que será a partida do América-MG diante do Guarani-MG, nesta quarta-feira (5/3), às 16h, no Farião. O treinador diz que, historicamente, os confrontos em Divinópolis obrigam a equipe a redobrar suas atenções:

- A bola fica muita viva. O sistema defensivo tem que estar hiperatento. Temos que respeitar o adversário ganhando as divididas, não tendo bola perdida, acreditando nas situações e com boas ações. Mesmo dentro das dificuldades que vamos enfrentar, temos que jogar com muito suor, muita transpiração e inspiração para trazermos os três pontos contra o Guarani-MG.

O técnico crê que o confronto será de alto nível no Estádio Farião, pelo momento que as duas equipes atravessam:

- O América fez sua melhor partida contra o Nacional; o Guarani fez sua melhor partida contra o Boa. Então acho que são ingredientes para um grande jogo. Esta será nossa primeira decisão fora de casa, contra um adversário motivado, uma torcida contra, muitos fatores para serem superados. Mas também estamos motivados. vamos olhar sempre primeiro o nosso lado.

Moacir Júnior indicou quais jogadores devem iniciar a partida nesta quarta-feira, diante do Bugre de Divinópolis:

- A tendência muito forte é de repetir a escalação. A equipe teve uma boa postura, bom comportamento no jogo contra o Nacional. E seria algo inédito nesta temporada, repetir a escalação, o que não aconteceu ainda. Eu não gosto de fazer mistério, mas também não gosto de facilitar a vida de ninguém. O Ricardinho vem treinando bem e vamos deixar para confirmar o time amanhã