icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
07/11/2013
15:25

Bruno Rodrigo e Dedé são, inegavelmente, uma das melhores defesas da temporada brasileira. Embora nem sempre a dupla tenha atuado junta dentro de campo, Marcelo Oliveira recorre ao zagueiro suplente Léo, com quem também demonstra bastante confiança e não constuma se decepcionar.

Na ausência de Dedé, quando o Mito estava junto à seleção, Léo formou o miolo de zaga com Bruno Rodrigo. Mais recentemente, foi Bruno quem precisou ficar de fora, por conta de uma lesão na coxa esquerda, e Léo ficou com a responsabilidade de atuar ao lado de Dedé. Apesar da reserva na maior parte do ano, o jogador mostrou que não sentiu quaisquer pressão para não falhar nesta reta final do Brasileiro.

MAIS:
> Dedé quer comemorar o título com a torcida ao lado
> Borges é poupado, mas não preocupa para domingo

- Trabalhei forte nos treinamentos e me empenhei ao máximo, como sempre, sabendo que a oportunidade ia aparecer. Graças a Deus estou fazendo bons jogos, boas partidas, mantendo a regularidade e é continuar assim para a gente poder conseguir o nosso objetivo, que é ser campeão - falou Léo.

Questionado sobre qual lado do campo prefere atuar, Léo não mostrou preocupação e disse estar tranquilo para atuar em qualquer lado.

- Com o Bruno Rodrigo, eu joguei pelo lado direito, e agora com o Dedé, eu jogo pela esquerda. A adaptação é rápida e começa nos treinamentos. Sempre procuro treinar pelos dois lados, fazer as duas funções, e isso é bom, dá versatilidade e te deixa sempre preparado. Independente do lado, na esquerda ou na direita, para mim tanto faz. Não tenho preferência, o bom mesmo é estar jogando - completou Leo.