icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
30/12/2013
12:04

O técnico do Atlético de Madrid, Diego Simeone, concedeu uma entrevista ao diário italiano "Il Giornale" onde, entre vários temas, falou da carreira, de sua equipe, de Diego Costa e das chances da Argentina na Copa do Mundo. Sobre dirigir o Atleti, o argentino falou que alguns o apontam como o "Ferguson Colchonero".

- Me vejo treinando o Atlético de Madrid durante muito tempo. Alguns dizem que eu poderia ser o Fergudon Colchonero. Esse homem foi o futebol - disse Simeone.

O treinador afirmou que o Atlético de Madrid não é mais uma surpresa, mas chamou a atenção para o fato de que muitos que estão de fora só prestem atenção no atacante Diego Costa.

- Às vezes me parece injusto que só falem de Diego Costa. Ele é um grande atacante, porém o que se impõe é o grupo. Eu não inventei nada novo. Somente há o fato dos jogadores terem ideia de que comigo não há titulares. Durante a semana eles têm que suar para conseguir jogar no domingo - falou o argentino.

E MAIS:

>Dirigente do Atlético de Madrid diz que Diego Costa fica
>Diário catalão coloca Courtois longe do Barcelona

A expectativa criada por Simeone com relação à participação da Argentina na Copa do Mundo é das melhores.

- Ninguém tem um elenco melhor que o nosso. Pode ser que algum possa surpreender. Mas no final, lógico, os grandes favoritos são Italia, Brasil e Alemanha - resumiu.