icons.title signature.placeholder Guilherme Abrahão e Vitor Pimenta
27/12/2013
07:23

Nada está parado nas Laranjeiras. Mesmo sem a presença do presidente do clube, Peter Siemsen, que está viajando com a família para curtir as festas de fim de ano, a nova cúpula de futebol do Fluminense se reuniu na manhã de quinta-feira, na sede do clube, para discutir o planejamento e possíveis reforços para a próxima temporada. Participaram do encontro o vice de futebol, Ricardo Tenório, o diretor executivo, Felipe Ximenes, o técnico Renato Gaúcho e o auxiliar, Marcão, todos caras novas para 2014.

Em debate, as carências da equipe e os possíveis nomes podem vir a ser contactados. O novo treinador, Renato Gaúcho, inclusive, já indicou alguns atletas. Conforme o LANCE!Net noticiou, as posições que o clube buscará reforços já foram definidas. As prioridades são a defesa e o ataque, setores encarados como os que mais precisam ser reforçados. A princípio, a Unimed não investirá alto, o que aumenta o esforço do clube e a estratégia para contratações, já que a verba terá que sair, por enquanto, dos deficitários cofres tricolores.  Presidente da patrocinador, Celso Barros garantiu ao LANCE!Net, que o grande esforço foi feito com o retorno do argentino Conca.

INÍCIO OFICIAL DE MARCÃO

Na reunião da cúpula tricolor sobre o planejamento para a próxima temporada, Marcão iniciou de forma oficial o trabalho como auxiliar técnico. O ex-jogador e ídolo da torcida vinha marcando presença nos treinamentos, mas jamais foi confirmado pela diretoria como membro da comissão.
Sobre o desafio de voltar ao Tricolor, mas, dessa vez, fora das quatro linhas, Marcão mostrou confiança no projeto.

– Conhecimento essa comissão tem de sobra, para fazer um Fluminense muito forte na próxima temporada – disse ao LANCE!Net

BATE BOLA
Marcão, novo auxiliar técnico do Fluminense, em entrevista ao LANCE!Net

1 - Qual a expectativa em voltar a trabalhar com o Renato?
MARCÃO: Desde que tive a oportunidade de trabalhar com ele, a gente sempre se ajudou. O grupo entendia o que ele queria e agora facilita por saber o método de trabalho dele.

2 - Como será o trabalho de auxiliar ao lado do Alexandre Mendes?
M: Alexandre é um cara competente, amigo pessoal. Realmente esperamos fazer um trabalho forte.

3 - Como tem sido feita a avaliação por reforços?
M: A diretoria vem fazendo uma avaliação do grupo, o que ela acha que precisa reforçar. O Conca já chegou e vai somar muito.

4 - Por falar em Conca, como será trabalhar com ele?
M: É um prazer para todos nós ter o Conca com a alegria e o talento dele. É um ídolo do clube e será uma referência dentro da equipe.

5 - Como você avalia essas mudanças feitas no clube?
M: O Flu está se reforçado com pessoas sérias, dedicadas e que tem muita identificação. Vai dar certo.