icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
06/03/2014
13:47

Nunca uma seleção africana chegou ao menos em semifinal de Copa do Mundo, mas sempre tem alguma de destaque, como a Gana de 2010, o Senegal de 2002, ou Camarões de 1990. Mas os últimos ensaios antes do Mundial deste ano não são tão animadores assim. Das cinco representantes do continente, apenas a Argélia venceu. A tradicional seleção de Camarões foi goleada.

Gana, que foi a seleção africana com melhor campanha na Copa do Mundo de 2010, sendo eliminada nas quartas de final pelo Uruguai, naquele jogo em que Suárez colocou a mão na bola quando ia entrar, e a partida teve uma reviravolta a favor da Celeste, perdeu por 1 a 0 para Montenegro. Com algumas estrelas, como Asamoah Gyan e Prince Boateng poupados no banco, o mais conhecido entre os titulares era Michael Essien, hoje no Milan. Damjanovic fez pênalti no primeiro minuto, e foi assim até o fim.

Nem Eto'o, nem Song... A tradicional seleção de Camarões nem viu por onde passaram Cristiano Ronaldo. Talvez seja a equipe do continente com mais história, mas chega sem muita motivação à Copa depois de perder por 5 a 1. E vai pegar o Brasil na última partida da fase de grupos.

Atual campeã da Copa Africana de Nações, Nigéria, que esteve na Copa das Confederações não empolgou muito já no fim desta quarta-feira. Ficou apenas no 0 a 0 contra o México. A Costa do Marfim pegou a badalada Bélgica fora de casa, e nem com jogadores badalados como Drogba e Yaya Touré conseguiu vencer. Vale o incentivo pela reação. Já que perdia por 2 a 0 e buscou o empate na reta final. A Argélia salvou. Foi a único que venceu. Derrotou a Eslovênia por 2 a 0.