icons.title signature.placeholder Bruno Cassucci
01/04/2014
18:01

Palco do confronto entre Mixto-MT e Santos pela primeira fase da Copa do Brasil, a Arena Pantanal será inaugurada nesta quarta-feira, às 22h, mas ainda não está completamente pronta para receber sua primeira partida. O Estádio de Mato Grosso na Copa do Mundo de 2014 carece de uma série de acabamentos e terá um mutirão de obras e limpeza durante a madrugada, para que tudo esteja em ordem a tempo da festa de inauguração, que teve 20 mil ingressos colocados à venda.

A capacidade normal da Arena de Cuiabá será de 40 mil lugares para as quatro partidas da Copa do Mundo (Chile x Austrália, Rússia x Coréia do Sul, Nigéria x Bósnia e Japão e Colômbia). No entanto, a capacidade foi reduzida para a partida da Copa do Brasil, pois não foi possível instalar todas as cadeiras a tempo da inauguração.

E os assentos, inclusive, não são as únicas pendências em relação ao acabamento do estádio. Ainda resta uma série de lâmpadas para ser colocada e até os bancos de reservas em que se sentarão os técnicos Oswaldo de Oliveira, Ary Marques, e os jogadores reservas das duas equipes. A ideia é terminar tudo até o meio-dia de quarta-feira, dia do jogo. Para isso, será necessária muita movimentação durante a madrugada de terça para quarta.

A principal preocupação é em relação à limpeza e à higiene, que impactam diretamente na segurança, pois ainda há pedras, pedaços de madeira e metal em diversos setores da Arena Pantanal. Atualmente, cerca de 700 operários trabalham diretamente para acertar os detalhes do confronto entre Mixto e Santos.

Nesta quarta, às 8h, uma equipe de segurança fará vistoria na Arena Pantanal para detectar o que resta de pontos pendentes. O Mixto treinou no local nesta segunda-feira à tarde e o Peixe fará o reconhecimento nesta terça, logo após a chegada a Cuiabá marcada para 17h.