icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
06/06/2014
17:00

Alguns dos principais jogadores do São Paulo reforçaram campanha criada pela ONG britânica Spirit of Football antes da Copa do Mundo de 2006, na Alemanha. A organização levou uma bola confeccionada por internos do presídio de Franco da Rocha, na Grande São Paulo, para ser autografada pelo técnico Muricy Ramalho, o goleiro Rogério Ceni, o zagueiro Antonio Carlos e os atacantes Osvaldo, Alexandre Pato, Alan Kardec e Luis Fabiano.

O objeto, chamado de The Ball, desembarcou na capital paulista na última semana após passar pelo Uruguai e já carrega mais de 16 mil assinaturas, dadas por atletas, autoridades e crianças envolvidas em projetos sociais. Antes do São Paulo, Barcelona (ESP), Liverpool (ING) e Borussia Dortmund (ALE) receberam a visita da bola.

A expectativa é que a viagem da bola da Spirit of Football feita para a Copa do Mundo no Brasil bata o recorde de autógrafos que pertencia ao Mundial de 2010, disputado na África do Sul, de 18 mil assinaturas.

O tour da The Ball será encerrado justamente no presídio de Franco da Rocha em que foi confeccionada. Os internos participarão de workshop promovido pela ONG fundada pelos britânicos Christian Walch, Phil Wake e Richard Hamilton, além do neozelandês Andrew Aris em parceria com o governo do Estado de São Paulo.