icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
04/07/2013
14:01

O Santos confirmou que o atacante Robinho baixou pedida salarial para retornar ao futebol brasileiro, conforme havia antecipado o LANCE!Net na última quarta-feira. Agora, o Peixe se anima com a negociação e aguarda uma resposta do Milan (ITA) em relação aos valores pelo atleta.

O clube deixou de negociar com o agente italiano Mino Raiola, que apresentou valores elevados nas negociações, e passou a tratar com Marisa Ramos, representante do jogador no Brasil e que revelou quantias menores. A pedido do Santos, ela está na Itália e trará um "pacote" dos italianos sobre a transferência na próxima semana.

- A Marisa está em Milão para saber o preço que o Milan deseja. Inicialmente, tínhamos apenas a proposta dos 10 milhões de euros. Por esses valores, o Santos nao tem condições. Sendo assim, vamos analisar este novo pacote, com contrato de três anos. Sabemos que a torcida do Santos deseja o Robinho e iremos ver se o desejo pode ser atendido - afirmou.

O desejo do jogador, que está passando férias na Baixada Santista, é retornar ao seu clube formador. Com contrato até agosto de 2014, Robinho acredita que terá mais visibilidade no Alvinegro e, se for bem, pode até brigar por uma vaga na Seleção na Copa do Mundo, ano que vem.

A equipe rossonera, por sua vez, está disposta a negociá-lo, mas a transferência só vai ocorrer se a mesma baixar os valores. Por Robinho ter 29 anos e estar próximo do fim do contrato, os santista acreditam que ele vale bem menos do que os italianos querem. A confiança é de que, havendo acordo, o jogador aceitará reduzir o salário antes divulgado (R$ 1,2 milhão) e chegará ao que o Peixe aceita pagar (até R$ 800 mil).

O Santos confirmou que o atacante Robinho baixou pedida salarial para retornar ao futebol brasileiro, conforme havia antecipado o LANCE!Net na última quarta-feira. Agora, o Peixe se anima com a negociação e aguarda uma resposta do Milan (ITA) em relação aos valores pelo atleta.

O clube deixou de negociar com o agente italiano Mino Raiola, que apresentou valores elevados nas negociações, e passou a tratar com Marisa Ramos, representante do jogador no Brasil e que revelou quantias menores. A pedido do Santos, ela está na Itália e trará um "pacote" dos italianos sobre a transferência na próxima semana.

- A Marisa está em Milão para saber o preço que o Milan deseja. Inicialmente, tínhamos apenas a proposta dos 10 milhões de euros. Por esses valores, o Santos nao tem condições. Sendo assim, vamos analisar este novo pacote, com contrato de três anos. Sabemos que a torcida do Santos deseja o Robinho e iremos ver se o desejo pode ser atendido - afirmou.

O desejo do jogador, que está passando férias na Baixada Santista, é retornar ao seu clube formador. Com contrato até agosto de 2014, Robinho acredita que terá mais visibilidade no Alvinegro e, se for bem, pode até brigar por uma vaga na Seleção na Copa do Mundo, ano que vem.

A equipe rossonera, por sua vez, está disposta a negociá-lo, mas a transferência só vai ocorrer se a mesma baixar os valores. Por Robinho ter 29 anos e estar próximo do fim do contrato, os santista acreditam que ele vale bem menos do que os italianos querem. A confiança é de que, havendo acordo, o jogador aceitará reduzir o salário antes divulgado (R$ 1,2 milhão) e chegará ao que o Peixe aceita pagar (até R$ 800 mil).