icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
13/06/2014
00:52

E o San Antonio Spurs vai ficando cada vez mais próximo de conquistar seu quinto título da NBA. Depois de conseguir mais uma vitória, na noite desta quinta-feira, sobre o Miami Heat, campeão das duas últimas temporada, na American Airlines Arena, na Flórida, por 107 a 86, levando a série para 3 a 1, a equipe do Texas fica a apenas um jogo de levantar a taça.

Mais uma vez o Spurs entrou em quadra com uma vontade maior que o Heat. Diferentemente das últimas apresentações, o time da Flórida voltou a mostrar a mesma apatia da última partida e não teve forças para segurar o envolvente estilo de jogo montado pelo técnico Gregg Popovich. Miami não perdia duas partidas seguidas, em playoffs, há quase dois anos.

Um fator que vem contribuindo para as vitórias de San Antonio é a força ofensiva de seu banco, que, mais uma vez, entrou e deu conta do recado, conseguindo anotar 41 pontos e com todos os jogadores que entraram em quadra pontuando, enquanto o banco de Miami só conseguiu marcar 30.

O destaque da partida foi Kawhi Leonard, que anotou 20 pontos e 14 rebotes. Além dele, Tony Parker marcou 19 pontos e Patty Mills, 14. Outro grande destaque vai para o veterano Tim Duncan, que quebrou o recorde de Magic Johnson, de maior número de duplos-duplos em playoffs, com 158 jogos, além de ser o jogador com maior número de minutos em quadra na história dos playoffs, ultrapassando Karin Abdul Jabbar.

Pelo lado de Miami, o destaque ficou por conta do astro LeBron James, que conseguiu marcar 28 pontos e foi o cestinha da partida. Porém, o King James pareceu não estar passando bem, saindo da partida no meio do primeiro quarto para ir ao banheiro.

O brasileiro Tiago Splitter, um pouco mais agressivo que de costume, fez uma partida segura e conseguiu contribuir de forma positiva. Os números do brasileiro não foram tão bons, com seis pontos e um rebote, mas teve participação importante na marcação.

Agora a partida volta para o Texas, no próximo domingo, às 21h, e o time da casa tentará conquistar mais um título da liga. Para o Heat, só resta tentar vencer para forçar o jogo seis da série.