icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
21/08/2015
17:50

O Atlético-MG recebeu, na tarde desta sexta-feira, na Cidade do Galo dirigentes de 11 clubes para uma reunião sobre a possível realização de uma nova edição da Copa Sul-Minas em 2016. Foi a quarta vez que os membros das diretorias se encontraram para abordar o tema. O assunto está bastante avançado, mas ainda requer novas conversas para que a haja uma definição.

Anfitrião do encontro desta tarde, o presidente Daniel Nepomuceno comentou o encontro e não escondeu que a realização da competição será benéfica para o calendário.

– Foi uma reunião muito proveitosa. Entendo que houve avanço. Outros encontros acontecerão com o objetivo de colocar em prática o desejo que temos na realização da Copa Sul-Minas, que entendo ser uma evolução do nosso calendário – declarou.

A reunião realizada, na tarde desta sexta-feira, contou com as presenças de dirigentes de Atlético-MG, Cruzeiro, Internacional, Grêmio, Atlético-PR, Coritiba, Figueirense, Criciúma, Avaí, Joinville, Flamengo e Fluminense.

Embora não pertençam às regiões englobadas pelo torneio, os clubes do Rio de Janeiro tencionam participar da Copa Sul-Minas, negligenciando o campeonato de seu estado desta forma.

O Atlético-MG recebeu, na tarde desta sexta-feira, na Cidade do Galo dirigentes de 11 clubes para uma reunião sobre a possível realização de uma nova edição da Copa Sul-Minas em 2016. Foi a quarta vez que os membros das diretorias se encontraram para abordar o tema. O assunto está bastante avançado, mas ainda requer novas conversas para que a haja uma definição.

Anfitrião do encontro desta tarde, o presidente Daniel Nepomuceno comentou o encontro e não escondeu que a realização da competição será benéfica para o calendário.

– Foi uma reunião muito proveitosa. Entendo que houve avanço. Outros encontros acontecerão com o objetivo de colocar em prática o desejo que temos na realização da Copa Sul-Minas, que entendo ser uma evolução do nosso calendário – declarou.

A reunião realizada, na tarde desta sexta-feira, contou com as presenças de dirigentes de Atlético-MG, Cruzeiro, Internacional, Grêmio, Atlético-PR, Coritiba, Figueirense, Criciúma, Avaí, Joinville, Flamengo e Fluminense.

Embora não pertençam às regiões englobadas pelo torneio, os clubes do Rio de Janeiro tencionam participar da Copa Sul-Minas, negligenciando o campeonato de seu estado desta forma.