icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
28/07/2014
07:00

A briga pelas primeiras posições do Campeonato Brasileiro seguiu um rumo regular na 12ª rodada. Cruzeiro e Corinthians venceram e mantiveram a liderança e vice, respectivamente, assim como Internacional e Fluminense, também com triunfos, seguiram no encalço da parte de cima da tabela. 

No sábado, o Cruzeiro aplicou uma nova goleada. Desta vez a vítima foi o Figueirense, que levou 5 a 0, no Mineirão. Com o resultado, a Raposa assegurou os cinco pontos de distância para o segundo colocado e jogou a equipe catarinense para a lanterna da competição. A Raposa balançou as redes 28 vezes e tem, disparado, o ataque mais positivo da disputa. 

O Corinthians impediu que a gordura cruzeirense fosse ainda maior ao vencer o primeiro Dérbi da história da sua arena. O triunfo por 2 a 0, com gols de Guerrero e Petros, contou com participação vital do volante Elias, que deu passe para os dois gols. O resultado aumenta a preocupação no Verdão, que está apenas três pontos acima da zona de rebaixamento e ainda não venceu no torneio com o técnico argentino Ricardo Gareca. 

O Internacional contou com uma falha feia do goleiro Marcelo Lomba para vencer o Bahia por 1 a 0, na Fonte Nova, e manter-se no G4. O gol isolado da partida conduziu os baianos para a área da degola. O outro componente da parte classificatória para a Libertadores é o Fluminense, que emplacou o segundo triunfo consecutivo. Desta vez, a vítima foi o Atlético-PR, que mesmo jogando em casa levou uma goleada por 3 a 0 em estádio sem a presença de torcedores por conta de puniçao por briga de torcedores do ano passado. 

O Grêmio, que também lutava para ingressar no G4, foi surpreendido pelo Coritiba em casa. Com um gol de Alex no acréscimos, o Coxa fez 3 a 2 e ficou a uma posição de escapa da zona da degola. Nessa área mais delicada da tabela, o Flamengo venceu o clássico contra o Botafogo por 1 a 0, no Maracanã, na estreia de Luxemburgo no comando, e subiu duas posições, ocupando agora o 18º lugar. 

Santos e Sport, por sua vez, seguem surpreendendo e terminaram a rodada encostaram no pelotão de elite. O Peixe aplicou 3 a 0 na Chapecoense, na Vila Belmiro, enquanto os pernambucanos superaram o frustrante Galo por 2 a 1, na Ilha do Retiro. Ao contrário da dupla, o São Paulo, apontado como candidato ao título, voltou a decepcionar. Na reestreia de Kaká, o meia deixou o seu, mas o Tricolor perdeu para o Goiás por 2 a 1, no Serra Dourada. 

Por fim, o Vitória derrotou o Criciúma por 3 a 1, no Heriberto Hulse, e escapou da zona da degola.