icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
22/06/2014
14:14

Jogos arrastados, de baixo nível técnico e com times que se preocupam apenas em defender. Esse cenário pode ser visto no Campeonato Brasileiro. Já nesta Copa do Mundo, que vem sendo considerada uma das melhores da história, vem sendo bem diferente, assim como destacou Zé Roberto, apoiador do Grêmio e que defendeu a Seleção Brasileira nos Mundiais de 1998 e 2006.

– Tenho visto equipes jogando para ganhar. Diferente do Brasileiro, que tem equipes que só jogam para se defender e procuram uma bola. O positivo da Copa do Mundo está sendo você ver jogos (com seleções) de menor expressão mas procurando o gol, procurando atacar, procurando os resultados. A busca pela vitória é o que tem me chamado mais a atenção – destacou o jogador, antes de elogiar a organização deste Mundial:

A organização está muito boa, até me surpreendeu bastante, espero que continue até o final.

Além de ter experiência em Seleção Brasileira e Copa do Mundo, se tem algo que Zé Roberto conhece é o futebol alemão e, como consequência, o poderio da seleção alemã. Foram 11 anos atuando no país por Bayern de Munique, Bayer Leverkusen e Hamburgo.

– A Alemanha sempre entrou forte, até pela tradição. Apesar dos desfalques, continua forte. Tem tudo para chegar nas finais. Pode manter a base do Mundial passado, na África, tem um treinador que conhece os seus jogadores e pode manter a base. Acho que a Alemanha vem forte sim para essa Copa – disse Zé sobre uma das principais candidatas ao título.