icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
09/11/2014
21:19

O Bahia tem um jogo a menos para tentar fugir do rebaixamento. Na chance que teve neste domingo, contra o Goiás, no Serra Dourada, o Tricolor acumulou mais uma dura derrota no Brasileirão. Quem protagonizou a partida foi o atacante Erik, uma das revelações do campeonato, que marcou dois gols na vitória por 3 a 0, pela 33ª rodada. Thiago Mendes transformou o placar em goleada.

Com o resultado, o Goiás se manteve na 12ª posição, com 44 pontos. Já o Bahia segue com 31, cada vez mais perto de confirmar o rebaixamento. Faltando cinco rodadas, o time baiano é penúltimo. Na próxima rodada, o Goiás visita o Internacional no Beira-Rio, enquanto o Bahia recebe o Corinthians, na Arena Fonte Nova.

O primeiro tempo foi tenebroso, com os times errando muitos passes. Mesmo assim, Erik já estava mostrando o que viria a "aprontar". Junto com Esquerdinha, ele foi o mais lúcido e criativo em campo, chegando a arriscar uma bicicleta que deu um susto em Marcelo Lomba.

No outro lado, o Bahia só conseguiu ameaçar efetivamente os goianos com uma cabeçada de Rafael Miranda que explodiu na trave. De resto, o Tricolor não deixou dúvidas sobre os motivos pelos quais está na zona da degola. O que teve de jogador trombando entre si no meio-campo e jogadas sem sentido...

No segundo tempo, as coisas se encaixaram de vez para o Goiás de Erik. Ele, que começou o jogo sendo o único atacante esmeraldino em campo e só ganhou a companhia de Bruno Mineiro com 13 minutos, usou muito bem a velocidade e capacidade de decisão para abrir vantagem. Um gol aos 17 e outro aos 24 deixaram o jogo mais fácil para o Goiás.

Com o Bahia atordoado, Thiago Mendes deu o golpe de misericórdia, em cobrança de falta que morreu no canto de Lomba. Foi ao estilo Ronaldinho Gaúcho, rasteirinha, sob a barreira, que pulou. A cereja do bolo da festa comandada por Erik.

GOIÁS 3 X 0 BAHIA
Local: Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Data/Hora: 9/11/2014, às 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Raphael Claus (SP)
Auxiliares: Marcelo Carvalho Van Gasse e Herman Brumel Vani
Cartões amarelos: Pedro Henrique (GOI); Rafael Miranda (BAH)
Gols: Erik, 17'/2ºT (1-0); Erik 24'/2ºT (2-0); Thiago Mendes, 30'/2ºT (3-0)

GOIÁS: Renan, Felipe Macedo (Moisés, 30'/2ºT), Jackson, Pedro Henrique, Felipe Saturnino; Amaral, David, Thiago Mendes, Ramon (Bruno Mineiro, 13'/2ºT) e Esquerdinha (Tiago Real, 38'/2ºT); Erik. Técnico: Ricardo Drubscky

BAHIA: Marcelo Lomba, Roniery, Lucas Fonseca, Titi e Guilherme Santos; Uelliton, Rafael Miranda, Léo Gago (William Barbio, 18'/2ºT) e Lincoln (Branquinho, 12/2ºT); Rafinha (Henrique, 26'/2ºT) e Kieza. Técnico: Gilson Kleina.