icons.title signature.placeholder Lucas Pedrosa
03/02/2015
08:00

Experiente centroavante, com inúmeras conquistas na carreira, o atacante Alecsandro vive uma nova fase em sua caminhada como jogador de futebol. Mesmo já tendo atuado em uma função longe da área em outros clubes, o jogador atuou a maior parte de sua carreira como camisa 9 fixo, mas nesta temporada, encontra uma nova fase no time do Flamengo. Apesar de ter características diferentes do time de Vanderlei Luxemburgo, que visa a velocidade como maior arma, Alecsandro quer provar que pode jogar com o atual esquema.

- Não é porque o time é de velocidade que todos os jogadores têm que ser velozes. Nós temos que nos adaptar ao esquema. Dar velocidade ao time é o que? Não tenho a velocidade do Everton, mas posso deixar uma jogada até mais rápida que ele, tocando de primeira. Temos que entender o que o treinador quer. Quando entrei, ele disse que não era para ficar fixo, era para movimentar bem. Também sei fazer isso - analisou o atacante.

Apesar da vontade, o jogador, que entrou no decorrer da partida contra o Macaé, e foi o responsável por salvar o Flamengo da derrota, pregou respeito ao comandante da equipe, e pregou o trabalho para então convencer o treinador de que pode atuar na equipe rubro-negra.

- A vaga de titular tem que ser procurada em todo treinamento. É algo que se conquista nos treinos e confirma nos jogos. Respeito a opção do Vanderlei, que é nosso comandante. Tenho sempre que pensar no grupo. Tenho que procurar contribuir - concluiu o jogador.

O Flamengo volta a campo contra o Barra Mansa, na próxima quarta-feira, às 22h. Após um imbróglio com a Ferj (Federação Estadual de Futebol do Rio de Janeiro), o clube mandará sua partida no Maracanã, pela segunda rodada do Campeonato Carioca.