icons.title signature.placeholder Matheus Babo
28/11/2014
06:05

Ídolo da torcida do Botafogo e titular da Seleção Brasileira, o goleiro Jefferson está muito valorizado. Ele tem contrato com o Glorioso até o fim de 2015, mas ainda não sabe se vai ficar ou não no clube. No entanto, ontem, o camisa 1 deu uma esperança para a torcida alvinegra sobre a possibilidade de permanecer no clube.

Após uma conversa com membros da nova diretoria – que foram ao Engenhão –, o Paredão falou sobre o futuro dele no Glorioso.
– Eu disse que iria dar prioridade para escutar o novo presidente, o planejamento, o que ele pensa para cada jogador. Vamos ver, esperar o dia 8 para sentar e conversar. O primeiro contato foi bom, mas ninguém sabe quem vai ficar ou sair – disse o camisa 1, que admitiu ter recebido sondagens de outros clubes.

– Eu procuro ser uma pessoa de caráter, de palavra. Tenho contrato e estou pensando somente em ajudar o Botafogo. Deixo isso com o meu empresário. É claro que aparecem algumas sondagens, mas espero saber do planejamento do Botafogo – comentou o camisa 1.
A conversa com os novos dirigentes animou o goleiro. Segundo ele, o elenco reagiu de forma positiva após a visita dos superiores.

– Sentimos acolhimento, nos sentimos valorizados. No primeiro encontro, eles mostraram profissionalismo. Agradeceram pelo empenho. Estamos bastante otimistas que as coisas vão melhorar – disse.

Apesar de iminente, a possibilidade de rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro parece não afetar o goleiro Jefferson. O camisa 1 mantém o discurso de acreditar na permanência do Glorioso na Primeira Divisão.

– Estamos pensando no jogo de domingo (contra o Santos). Enquanto há chance, há esperança. Estamos otimistas – comentou.