icons.title signature.placeholder Caio Carrieri
16/12/2013
08:05

Rodolfo Freitas da Silva, 20 anos, é um sonhador audacioso. Primeiro reforço do Palmeiras para 2014, o jovem atacante ex-Rio Claro traça planos ousados antes mesmo de se juntar ao elenco alviverde na Academia de Futebol – o elenco se apresenta no próximo dia 3 de janeiro para a pré-temporada.

– Quero dar uma vida melhor para a minha mãe, chegar à Seleção Brasileira e ser o melhor jogador do mundo. Essas são as minhas metas. Nada para mim está bom. Chegar ao Palmeiras não é o suficiente. Eu estou sempre querendo crescer – declarou ao LANCE!Net.

A promessa já assinou contrato de cinco anos. O Alviverde comprou 30% dos direitos econômicos, 50% ficaram com o Rio Claro e os outros 20% com o atleta.

Rodolfo despertou a atenção do Verdão ao ser o destaque do último Campeonato Paulista sub-20. Marcou 24 gols e levou a sua equipe até a fase semifinal da competição.

Além de querer alcançar o status de Cristiano Ronaldo e Messi, a revelação tem metas já para 2014, com a camisa do Palmeiras: marcar 25 gols ao longo de todo o ano.

– Quero passar a marca dos 24 gols. Tenho que confiar em mim – acrescentou o jogador.

Natural de Orindiúva (SP), a 525 km da capital, ele começou a trajetória no futebol aos 16 anos, no Rio Claro, como volante. Rompeu o ligamento cruzado do joelho esquerdo antes de se transferir para a base do Grêmio. Ainda passou por Osvaldo Cruz, no interior de São Paulo, e Grêmio Prudente, antes de voltar ao Rio Claro nesse ano e virar atacante para quebrar um galho no início do Estadual da base.

Ao utilizar o Instagram para festejar o acerto, Rodolfo cometeu uma gafe. Na legenda da foto escreveu “Palmeiras FC” em vez de “Sociedade Esportiva Palmeiras”, mas logo corrigiu o texto.


Confira a entrevista com o novo atacante palmeirense

LANCE!Net: Como você se apresentaria à torcida do Palmeiras?
Gosto de jogar aberto e minha principal habilidade é no mano a mano. Sou aquele cara muito veloz, tenho muita visão de jogo. Quando estou no mano a mano eu corto e bato, não tem firula. Abriu espaço eu finalizo para o gol.

L!Net: Qual é a sua referência?
Qualquer pessoa se inspira no Neymar atualmente. Ele não tem medo de fazer as coisas, é muito ousado. Gosta de inventar, não se intimida e isso me inspira bastante.

L!Net: E o seu ídolo, quem é?
Marcos, pela pessoa que ele é e também pela carreira que teve. A minha família é toda torcedora do Palmeiras: meus tios, minha mãe... Desde pequeno nos reunimos para assistir aos jogos e virei torcedor.

L!Net: O que o Palmeiras já mudou na sua vida?
O celular não para um minuto, não consigo andar 20 metros na rua que tem gente procurando. Graças a Deus sou muito humilde e dou atenção para todo mundo. Nem me apresentei ao Palmeiras e na região já estou bastante falado.

L!Net: Você é jovem e sonha ser o melhor do mundo. O que fazer para não se deslumbrar na carreira?
Graças a Deus eu tenho uma família que me apoia muito. A minha mãe cobra muito humildade. Isso não vai mudar a minha cabeça. Sou aquele cara tranquilo. Não ligo para carro, luxo, não bebo e o assédio não vai me atrapalhar.