icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
14/02/2015
16:49

O Real Madrid não fez mais do que a obrigação ao vencer o frágil Deportivo La Coruña por 2 a 0, neste sábado, no Estádio Santiago Bernabéu. Depois de levar de quatro do Atlético de Madrid, na rodada passada, os Merengues não se complicaram, mas fizeram apenas o "feijão com arroz" diante dos galegos.

Mesmo com toda tempestade, o Real Madrid lidera o Campeonato Espanhol de forma isolada, com 57 pontos. Já o Depor está na 12ª colocação, com 29.

Impaciente e exigente, o Santiago Bernabéu vaiou o Real Madrid nos cinco primeiros minutos em razão de dois chutes do La Coruña contra a meta do goleiro Casillas. Os apupos foram se dissipando à medida em que a equipe da casa foi tomando conta da partida.

Cristiano Ronaldo, o mais criticado da semana por conta de uma festa no mesmo dia da goleada, foi poupado pelas tribunas. O gajo teve grande chance no primeiro tempo, mas, de frente para o gol, acertou a trave. Bale, no lance seguinte, teve a mesma infelicidade do companheiro.

Ficou mesmo para Isco a responsabilidade de abrir o placar. Após confusão na área, o meia espanhol colocou no ângulo.

Na segunda etapa, o Real Madrid não conseguiu repetir o ímpeto do primeiro tempo e até deixou o La Coruña gostar do jogo. A equipe galega chegou a acertar a trave de Casillas, mas não teve forças para assustar nos minutos seguintes.

Sumido até então, Cristiano Ronaldo deu um tapinha para Benzema ampliar o placar e afastar, de vez, qualquer mínima possibilidade de zebra.

A partida deste sábado também foi a primeira do volante Lucas Silva pelo Real Madrid. Campeão brasileir pelo Cruzeiro, no ano passado, ele é o 22º brasileiro a vestir a camisa merengue.