icons.title signature.placeholder RADAR / LANCEPRESS!
01/11/2014
14:09

Em semifinal bastante disputada, o canadense Milos Raonic (10º) eliminou o tcheco Tomas Berdych (5º) e se garantiu na decisão do Masters 1.000 de Paris. O set decisivo do jogo precisou do tie break para decidir quem avançaria à final, melhor para Raonic que fechou o jogo em 2 sets a 1 (parciais de 6-3, 3-6 e 7-5).

O canadense Milos Raonic chega embalado e confiante para a decisão do Masters francês. Nas quartas de final ele conseguiu pela primeira vez na carreira vencer o suíço Roger Federer (2º) - que vinha se esforçando para tirar a liderança do ranking da ATP de Djokovic - e avançou às semis.

Neste sábado, ele derrotou outro top 5 do ranking para chegar a decisão. Jogando contra o tcheco Tomas Berdych (5º), Raonic manteve o bom tênis que apresentou durante toda a competição. No primeiro set ele conseguiu uma quebra de saque e manteve a vantagem até o fim.

No segundo set o canadense não encontrou seu jogo. Cometeu dupla falta e mesmo salvando três break points, teve saque quebrado. No set decisivo, Raonic aplicou seis aces contra o adversário e só precisou de uma oportunidade de quebra para confirmar o ponto e passar da semifinal.

Com a classificação garantida após 2h08m de partida, Raonic espera pelo sérvio Novak Djokovic (1º) na decisão do Masters de Paris. Atual número um do mundo venceu o japonês Kei Nishikori (7º) por 2 sets a 0 na outra semifinal.