icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
03/12/2013
17:43

O presidente da Uefa, Michel Platini, não assumiu publicamente o voto ao melhor jogador do mundo desta temporada, mas apontou um candidato com mais motivos para levar o prêmio entregue pela Fifa no dia 13 de janeiro, em cerimônia realizada em Zurique, na Suíça.

- Cristiano Ronaldo e Messi são muito bons. Mas Ribéry ganhou tudo. Acho que são os três candidatos mais fortes. A eleição deste ano é a mais difícil dos últimos tempos - declarou o mandatário, em entrevista ao jornal "AS".

Para o francês, a Fifa teve a intenção de ajudar o português ao estender o prazo de votação:

- Foi uma decisão que coincidiu com a repescagem e os três gols de Cristiano Ronaldo sobre a Suécia (risos) - opinou o cartola e ex-jogador, que daria a Bola de Ouro a Xavi ou Iniesta em 2010.