icons.title signature.placeholder Thiago Correia
20/06/2014
19:08

O atacante Van Persie concedeu entrevista coletiva nesta sexta-feira na Gávea, zona sul do Rio de Janeiro, e já garantido nas oitavas de final, não escapou de ter que responder sobre a Inglaterra. O atacante foi ídolo do Arsenal e é um dos destaques do Manchester United. E o craque saiu em defesa do companheiro e amigo Rooney, também dos Red Devils. O capitão da Laranja Mecânica eximiu o Shrek da culpa pela eliminação.

- Rooney é um grande jogador. Como já disse várias vezes. Ele é uma das razões de eu ter ido ao Manchester United. Treinar e jogar com ele me mostrou que é um jogador de classe mundial. Joga com muita pressão. Mas essa é sua vida. Se olhar suas performances, e pelo que eu ouvi, foi muito bem. Contra a Itália jogou pela esquerda e deu um passe para gol, contra o Uruguai foi bem de novo. Não pode ser culpado por ter marcado um gol e ter perdido três. Ele deu tudo pelo país, como sempre. É um grande artilheiro, não se pode colocar nas costas dele - disse Van Persie:

- Não é fácil responder. Não assisti a maioria dos jogos, como contra a Itália. Vi Inglaterra contra o Uruguai. É uma pena. Os jogadores são bons. Não tiveram sorte. Rooney não conseguiu marcar todos os gols, é uma pena. Na minha opinião, é uma pena. Rooney teve grandes chances, bola na trave... Agora vão para casa. A Inglaterra deu tudo. A seleção precisa ver agora o que devem melhorar.

Outro jogador que foi alvo de questionamentos para Van Persie, mas em um sentido positivo, foi Robben. Os dois têm formado uma das duplas mais perigosas desta Copa do Mundo. Cada um marcou três gols.

- Arjen é um grande jogador, adoro jogar com ele, ele é imprevisível. Ele pode fazer muitas coisas, isso que faz dele um grande jogador. Ele é rápido, pode marcar gols, dar passes. Nos últimos dois anos foi um dos grandes passadores no mundo. Para nós é um pouco diferente agora, jogamos de outra forma, mas é uma mistura muito boa entre ele e eu. Marcamos seis gols (risos). Espero que a gente possa melhorar - concluiu.