icons.title signature.placeholder Bruno Grossi e Marcio Porto
10/02/2015
17:22

O São Paulo, enfim, conseguiu se livrar de Clemente Rodríguez. Nesta terça-feira, o clube anunciou a rescisão do contrato do lateral-esquerdo argentino, cujo vínculo se encerrava no meio deste ano. O acordo feito com a diretoria tricolor deixa Clemente livre para retornar ao seu país. Seu destino deve ser o Colón.

A diretoria do São Paulo vinha negociando a rescisão com Clemente desde o ano passado e chegou a oferecer 50% do salário que ele ganharia até o fim do vínculo para ele deixar o clube. Com o acerto desta terça, chega ao fim uma passagem desastrosa.

Contratado em julho de 2013, o lateral-esquerdo disputou apenas três jogos, sendo expulso em dois, inclusive na estreia, contra o Bahia, no Morumbi, pelo Campeonato Brasileiro.

Com a chegada de Muricy Ramalho na sequência, o argentino perdeu ainda mais espaço e virou um mico. Terminou o ano treinando em Cotia com os jogadores das categorias de base. Com passagens pela seleção argentina, Clemente foi revelado pelo Boca Juniors, pelo qual conquistou três Libertadores da América.